Matérias | Geral


Combate ao racismo

Itajaí e Penha anunciam atividades relativas ao dia da Consciência Negra 

Em Penha, encontro será no auditório da educação, dia 19; em Itajaí, ampla programação para as próximas semanas já foi anunciada na prefeitura

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Abertura da programação em Itajaí rolou na prefeitura; em 2019, Penha sediou Dia da Consciência Negra no salão paroquial. Fotos Divulgação.


Itajaí e Penha anunciaram ações voltadas ao combate ao racismo e à valorização da igualdade racial nas duas cidades. Em Itajaí, a quarta edição da campanha que culmina no dia da Consciência Negra pretende enfrentar o racismo em todas as suas formas. E em Penha, vai rolar uma atividade específica sobre o tema no próximo dia 19. 


A campanha Itajaí Sem Racismo” foi lançada com cerimônia na prefeitura de Itajaí, e visa enaltecer a cultura afro-brasileira presente no município, além de promover amplo debate nos dias atuais.

Continua depois da publicidade



Durante todo o mês, especialmente na semana da Consciência Negra, vão rolar diversas atividades em Itajaí, como seminários, lives, atividades culturais para despertar esse debate sobre o tema. Novamente, rola ainda o “Prêmio Simeão”, homenagem de valorização do negro na sociedade itajaiense. A cerimônia de entrega voltará a ser promovida presencialmente no dia 25, às 19h30, no museu Histórico de Itajaí, seguindo as normas sanitárias vigentes.

“O objetivo desta campanha é o de promover a igualdade racial de fato, mudar o pensamento das pessoas”, reforça o secretário de Promoção da Cidadania em Itajaí, Leandro Peixoto. Já o presidente do conselho Municipal de Desenvolvimento da Comunidade Negra de Itajaí (Conegi), João Gadelha, frisa que a campanha mais uma vez vem para sensibilizar a população a respeito do combate à discriminação racial.  

Em Penha, dia 19 de novembro tá confirmada a “Confraternização do Dia da Consciência Negra”, que rolará no auditório da secretaria da Educação, a partir das 15h. A ação é do conselho Municipal de Promoção dos Direitos e das Igualdades Raciais e Culturais (Compidirc). O evento inicia às 15h, e o auditório da Educação fica na rua Prefeito José João Batista, no centro (próximo ao paço municipal). 

Segundo Vanderlei Silva, o Vivinho, esse evento marca o retorno das ações do mês da Consciência Negra em Penha, após a parada forçada que rolou em virtude da pandemia. Em 2019, a cidade contou também com ampla programação da associação Afrocultural Renovo, no salão da Matriz, mas essa ação teve de ser descontinuada em 2020, por conta do avanço do coronavírus.

Continua depois da publicidade






Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.89.204.127

TV DIARINHO


Entrevistão Rodrigo Fernandes Juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina





Especiais

Meio Ambiente

Juarez Müller, o homem das árvores e flores, recebe homenagem na Câmara de Vereadores

Escotismo

Grupo Lauro Müller volta renovado após quase dois anos de incertezas

REGIÃO

Confira a lista das escolas particulares

SESC/SENAI

Escola S alia grade curricular básica ao ensino tecnológico e bilíngue

Colégio Energia

Líder em aprovação, Energia acumula 25 anos de credibilidade, qualidade e inovação



Blogs

Blog da Ale Francoise

Intestino Permeável, você tem?

Blog do JC

Instagram de controlador da prefa de Penha é hackeado

A bordo do esporte

Contagem regressiva de sete meses para a Globe 40

Blog Doutor Multas

Recurso suspensão CNH: como fazer?

Blog do Ton

Líbere Fashion Show

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW

Blog Clique Diário

Ilha das Cabras - Balneário Camboriú

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Rodrigo Fernandes

"Os jovens, com certeza, têm a capacidade e o potencial de mudar o resultado de uma eleição”

Érica Becker e Pedro Junger

“Já tem dados que comprovam que o ser humano está ingerindo o próprio plástico que insere nos oceanos”, Érika Becker

Ciro Gomes

"O brasileiro tá pagando agora o preço do derivado de petróleo, da gasolina, em dólar”

Guido Petinelli

O melhor empreendimento é aquele que enriquece o bairro.”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯