Blogs | Blog do JC


Blog do JC

Por JC - redacao@diarinho.com.br

O zum-zum-zum da política e o ti-ti-ti dos políticos


Robson, Bob e Darci...

Publicado 28/01/2021 09:00

Os perdigueiros da coluna, assopram que o ex-prefeito e ex-candidato a prefeito de Navega-City, o Bob Carlos (PSD) e o deputado federal Darci de Matos, estavam em Itajaí, no final da tarde de ontem e teriam batido um papo de pertinho com o ex-vereador atucanado e ex-candidato a prefeito da city peixeira, Robson Coelho (PSDB).

Bater de asas

A conversa teria sobre o desembarque do ninho tucano de Robson e assinatura da fichinha no PSD. Robison já teria sido convidado pelo ex-prefeito da galega Blumenau, o galã dos microfones, Napoleão Bernardes pra entrar no partido do ex-governador com cara de padreco, Raimundo Colombo. Colombo, também, pode vir à disputar um retorno ao Governo do Estado, em 2022.

Único?

Consta que na conversa, entre Bob Carlos, Darci de Matos e Robson Coelho, além de entrar no PSD, teriam feito a promessa de ser o único candidato a leleia, na região e o Bob seria o coordenador da sua campanha. Oiá, esse tipo de promessa de ser o único postulante, é complicado, porque chega lá na frente e não cumprem. 

Foto (Divulgação)


Coçação

Publicado 26/01/2021 09:12

A assessoria de comunicação da casa do povo da Dubai brasileira, encaminhou nota, alertando pra ‘equívocos’ em notas da coluna deste coluna pançudo e temente ao Altíssimo. Na nota, alegam que o socadinho derrapou citando que teve apenas duas sessões no mesmo dia, neste ano. 

Estou certo

Colocam duas sessões que ocorreram em dezembro como sessões extraordinárias do recesso. A coluna, mantem, afinal, as duas sessões do ano passado, não podem ser consideradas dessa legislatura. Ou seja, os vereadores fizeram duas sessões neste mês de Janeiro e vão receber o mês cheio. Ponto.

Recesso

Com relação ao recesso, o articulista pode ter se equivocado ao debulhar que as excelências excelentíssimas tenham 90 dias de coçação, ops, recesso. A assessoria de comunicação, afirma que são 55 dias anuais. Contudo o espaço reitera o que colocou, até porque mantém o mérito do que foi escrito, afinal, 55 dias aqui fora no sol e na chuva é inconcebível. Na iniciativa privada é apenas 30 dias de férias. Entoncê...

"Prezado JC,

Em relação às notas “Folga” e “Peso” na Coluna do JC desta segunda-feira (25.01), gostaríamos de alertar para os equívocos nas seguintes informações:

- Foram realizadas três sessões extraordinárias desde o dia 22/12/2020 (data da última sessão ordinária de 2020) – uma no dia 29/12/2020 e duas no dia 14/01/2021 –, e não duas sessões, como informado na nota;

- O recesso do meio do ano vai de 18 a 31 de julho, perfazendo 14 dias, e não 30 dias, como está na nota. Portanto, o total de dias do recesso (em que não há sessões ordinárias) é de 55 dias, e não 90 dias.

Cabe ressaltar que esse recesso é determinado pelo Regimento Interno da Câmara de Balneário Camboriú, e é apenas das sessões ordinárias. Os vereadores seguem atuando nos gabinetes e fora deles, bem como participam de eventuais sessões extraordinárias convocadas pelo Executivo ou pelo presidente do Legislativo."

Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú 

Foto (Divulgação)


Depois da viúva casada...

Publicado 25/01/2021 14:40

 

Vereador com cara de vampiro italiano, Nilson Probst (MDB), protocolou na casa do povo da Dubai brasileira um projeto de lei pra reduzir de 19 excelências excelentíssimas pra 13.

Demagógico 

O ex-presidente do legislativo, Omar Tomalih (Podemos), também, anda defendendo uma redução de cadeiras. Anunciou isso em plena campanha, o que foi encarado como projeto demagógico.

Nem te ligo

Até porque Omar esteve com os glúteos sentados na principal cadeira da casa do povo balnear por dois anos e não se coçou  quando o vereador Marcelo Achutti, o Quero-Quero (MDB), propôs a redução.

Agora...

...Nilson propõe a medida, bem no início da legislatura, e se aprovada, só entrará em vigor na próxima legislatura. Balneário Camboriú, com as devidas proporções, tem mais vereadores que a city peixeira. Itajaí reduziu de 21 pra 17 vereadores, o que já valeu na campanha de novembro de 2020. Bacana, legal, mas Nilson quer mostrar serviço que não fez no mandato anterior...

Foto (Divulgação)


Kaká e Charles

Publicado 25/01/2021 14:35

 

O líder religioso da Igreja Luz da Vida, Pastor Charles Pereira, visitou o gabinete do vereador Kaká Fernandes (Podemos), no final da tarde de sexta-feira. O pastor proferiu a benção e orou pela nova etapa de trabalho no legislativo da Dubai Maravilha.

Foto (Fernando Carnevalli)


Sem infectologista

Publicado 22/01/2021 11:04

Quando a gente pensa que já viu de tudo, chega a informação que o hospital Marieta está sem infectologista. Sim, em plena pandemia, além das pessoas infectadas por Covid, como ficam todos os demais pacientes? Os oncológicos com suas infecções graves?
E os transplantados renais? E os soropositivos?

Amiguinha?

Circula a informação que a gestão do hospital Marieta literalmente trocou 3 médicos infectologistas por uma, que é chegada do médico Gustavo Deboni, aquele afastado pela Justiça por supostamente abreviar vidas. A dita cuja agora está afastada das funções, não se sabe se por férias ou porque não aguentou o tranco e se demitiu. Com a palavra a administração das irmãs...

Problemas com CRM

Após repercussão da coluna, pipocam rumores de que a única infectologista do Marieta, que é protegida da administração teve problemas com o CRM, e esse seria o motivo do afastamento. Hummmm...

Caixa preta

Até agora nem um pio da administração do hospital Marieta, mesmo sendo grave que o maior hospital da região esteja sem infectologista, e que seja supostamente por problemas com o CRM, e também nenhuma explicação sobre antes terem diminuído de 3 pra 1 médico infectologista. O Marieta segue sendo o que sempre foi: uma enorme e misteriosa caixa preta que carece ser aberta, investigada e esclarecida para o bem da sociedade que é quem paga a conta, é que nasce e morre no Marieta, literalmente.

Charge Pirão d'água 


Livre, leve e solto

Publicado 22/01/2021 10:59

A leleia, em sessão extraordinária, aprovou no início da noite de ontem, projeto de resolução que revoga ou nega o decreto de prisão cautelar domiciliar do presidente Júlio Garcia (PSD). Em conformidade ao que prevê a Constituição Federal e Estadual.

Decide

Quando não há prisão em flagrante, o plenário da Alesc decido e, a própria juíza Federal da 1ª Vara da Sim, nestes casos, quando não há prisão em flagrante, o plenário da Alesc decide. A própria juíza Janaína Cassol Machado, da 1ª Vara da Justiça Federal de Floripa, tinha encaminhado para análise dos deputados.

Surreal

Só que enquanto os deputados votavam e, aprovavam a revogação da prisão, a juíza concedeu um novo mandato de prisão preventiva contra o presidente Júlio Garcia. É surreal que nossas amadas excelências excelentíssimas da Alesc, seja, novamente chamadas pra analisar novamente, este segundo mandato de prisão.

Protegido

Ou não, porque os deputados, talvez, pressentindo que tal pudesse acontecer, atocharam no decreto que aprovaram, uma blindagem contra decisões da magistrada no âmbito da Operação Alcatraz. Phode?

Sair fora

O presidente da Alesc, Júlio Garcia, deveria pedir afastamento do cargo, até que sejam dirimidas e, esclarecidas a situação nebulosa que envolve seu nome e, por conseguinte, macula o parlamento estadual.

Turco apareceu

Na votação da leleia, no final da tarde, o deputado estadual João Amin (Progressista), votava no caso Júlio Garcia, quando seu pai, o senador turco-careca Esperidião Amin (Progressista), passou atrás dele sem camisa. É o efeito Home Office.

Foto (Divulgação)


Melhorar o relacionamento?

Publicado 22/01/2021 10:24

A vereadora Juliana Pavan (PSDB) cobra informações do prefeito pop star Fabrício Oliveira (Podemos) sobre a imunização por conta da pandemia e, fala pra quem quiser escutar que não recebeu nadicadenada do alcaide. Isso, apesar de ser marido ser sócio de casa noturna multada por conta de não estar respeitando as normas sanitárias, decretadas. Faz o que eu digo, mas, não faz o que eu...

Posando

Daí, que leitores da coluna e do blog do JC, foram surpreendidos por postagem da filha do coronel, ops, vereadora Juliana nas redes sociais, visitando o pop star, no seu gabinete no paço dos altos da Dinamarca. Juliana na postagem jura que o intuito da visita foi pra levar demandas e estreitar laço com o executivo. Que lindo!

Leite, Amigo Pão

Ou será que a Juliana que quer a volta do projeto Leite, Amigo Pão que remete ao nome do seu pai, Leonel Arcangelo Pavan? Aliás, criado no tempo em que Pavan era prefeito e sua patroa, secretária de Inclusão e, que foi substituído por uma ação mais efetiva, onde as famílias através de um valor em cartão, podem adquirir os itens que lhe são necessários. 

Foto (Divulgação) 

 


Visita ao Mazoca

Publicado 22/01/2021 09:36

 

Nesta semana o vereador inquieto Kaká Fernandes (Podemos), visitou o secretário de Obras da Dubai brasileira, Osmar Nunes, o Mazoca, que não deixa represar trabalho sobre a mesa e atende todos que o procuram. Ainda sem confirmação do novo status, digo, secretariado, Mazoca é um dos nomes fortes na equipe do prefeito pop star Fabrício Oliveira (Podemos) para o segundo mandato, conforme já anunciado por este colunista pançudo.

Foto (Fernando Carnevalli) Kaka, com Mazoca e o engenheiro Jaildo


Bolsonaro não liderou a crise

Publicado 20/01/2021 10:08

A vacina contra a maledeta covid-19 chegou, finalmente. Graças a pressão do governador de São Paulo, João Dória (PSDB), é bom frisar. Não é necessário morrer de amores por ele. Não morro mesmo. Agora, é preciso reconhecer.

Responsável

Porque se não fosse o Dória ter lidado com a epidemia de forma responsável e ter buscado acordo com a China para a produção no Brasil da Coronavac, teríamos é nada. Ponto pra ele, que se cacifou de vez a concorrer à presidência nas eleições de 2022. É cedo pra falar isso? Claro que não.

Irresponsável

Agora, nas redes bolsonaristas, falam que Dória é o anticristo, que politizou a vacina, e aquele blablablá. Mas quem politizou tudo, desde sempre, foi o próprio Bolsonaro. Ideologizou, negou, ironizou, cagou pra ciência, e só fez merda em relação à epidemia.

Não liderou

Fez de tudo, menos o papel de presidente, que é para o qual foi eleito. Ele não liderou a crise, não agiu com responsabilidade, nem com respeito e nem com o cuidado que o povo brasileiro, que o elegeu, merece. Compaixão? Passa longe dele.

De afogadilho

Aí, quando a água bateu na bunda, ou seja, quando Dória anunciou que ia vacinar São Paulo e que o Planalto não tinha sequer acordo assinado com um laboratório  – vendo, finalmente, nisso uma perda política enorme, correu atrás do que estava pronto, a caminho...

Truculência

Bolsonaro correu para o Butantan e exigiu as doses da vacina “na marra”. Mandou inclusive a polícia Federal ao instituto para deixar claro, com a medida policialesca, mais uma característica sua: a truculência.

Pra completar

Fica a pergunta: que presidente é esse? Que, além de não governar responsavelmente, vive incessantemente de incitar o brasileiro contra o brasileiro?  Vive de fazer papelão, envergonhar o país lá fora e aqui dentro?

Em 2022

Um presidente eleito para governar o Brasil, mas que só faz é produzir fanfarrices para satisfazer seus fiéis e bovinos seguidores. Lembra Trump? Claro que sim, é uma imitação tropical. Se o fim de Bolsonaro será idêntico ao do troglodita americano, a resposta sairá em outubro do ano que vem.

Foto (Divulgação)


Prefeito da Infraestrutura

Publicado 18/01/2021 16:50

Solucionar problemas antigos e apresentar agilidade! Esse é o ritmo que Diogo Maciel pretende imprimir em Canelinha. Um dos únicos prefeitos eleitos pelo PSL em toda a região, Diogo traz a experiência do Direito para a administração pública. Mas o que chama atenção é o jeito empreendedor que ele ofereceu para a Prefeitura.

Vinculado

Antes dominada historicamente pelos grandes partidos do país, segundo os linguarudos de plantão, Canelinha tem um governo mais vinculado com os novos desejos da sociedade: pautas como combate à corrupção, economia e eficiência do serviço público passaram a ser transmitidas como prioridade.

Saneamento e Asfalto

Um dos pilares da nova gestão é resolver demandas da infraestrutura. Canelinha precisa se modernizar, e o perfil de Diogo corresponde justamente com esta necessidade.

Foto (Divulgação)


O 'novo Moisés' e a nova postura com a leleia

Publicado 18/01/2021 08:38

 
Na recente audiência , na semana que passou, com o governador bombeiro Carlos Moisés (PSL), para tratar de obras recursos para a região do Vale do Itajaí, o deputado e líder da bancada do PL , e da oposição na Alesc, Ivan Naatz notou o chefe do Executivo Estadual mais comunicativo e aberto ao diálogo com o parlamento. 

Meio de campo

No encontro,  que também teve a presença do chefe da Casa Civil Eron Giordani ( tido como o responsável pela nova política de “meio campo” do bombeiro Moisés)  e envolveu ainda o tema política partidária , Ivan Naatz disse que a bancada do PL estará disposta a ajudar nos projetos e ações que forem de interesse da sociedade catarinense, principalmente com relação ao projeto de reforma da previdência estadual , uma das principais pautas previstas para o primeiro semestre deste ano legislativo de 2021. 

Prossegue

Mas como dizem os italianos “ amici ma non troppo”(amigos , mas nem tanto) , o entisicado deputado  já avisou que a fiscalização e as cobranças em torno de pautas prioritárias da região e do parlamento continuará severa em torno do governo e de sua equipe. E isso inclui também, o prosseguimento das investigações em relação ao relatório final da CPI dos Respiradores apresentado ano passado, indicando responsabilidade administrativa do governador e apontando outros 13 envolvidos na compra fraudulenta dos 200 equipamentos com pagamento antecipado de R$ 33 milhões de reais . “Agora é com o MP e cm a justiça. Continuamos em cima “, avisa Naatz . 

Recursos de emendas  
Por outro lado, o deputado Ivan Naatz confirmou recursos de emendas suas  ao orçamento do governo do Estado de 2021 para a região . A city peixeira, Itajaí, terá recursos assegurados  ordem de R$ 200 mil como apoio financeiro para aquisição de equipamentos e materiais para o Instituto de Saúde Santa Clara, entidade gestora do Hospital Pequeno Anjo . Assim como Penha, Piçarras, Barra Velha , Navegantes , Camboriú  e Porto Belo, nas áreas de educação, saúde, equipamentos e obras de infraestrutura , totalizando mais de R$ 850 mil.  

Foto (Divulgação)


Beto mudanças no ITBI

Publicado 17/01/2021 12:07

O vereador peixeiro Beto Cunha (PSDB) está propondo alterações no ITBI – Imposto de Transmissão de Bens Imóveis. O imposto é previsto na Constituição Federal e é cobrado sempre que há compra e venda de imóveis.

Parcelado

Atualmente o ITBI na city peixeira pode ser parcelado em até 12 meses, porém a transferência das matrículas dos imóveis só tem sido possível após a quitação total das parcelas. Essa regra tem impedido muitas pessoas que adquirem seus imóveis, através de financiamento bancário, a aderirem ao parcelamento do imposto, já que os bancos exigem a imediata matrícula dos imóveis.

Regra

Em um dos projetos, Beto propõe a ampliação do parcelamento em até 24 meses. No outro projeto a proposta é que a transferência dos imóveis nos cartórios seja possível após o pagamento da primeira parcela, permitindo assim que as aquisições através de financiamento bancário sejam incluídas na regra de parcelamento.

Fomentar

O emplumado Beto lembrou da sessão extraordinária na casa do povo da Dubai brasileira que diminuiu a alíquota do ITBI de 3 para 2%, justamente para fomentar o mercado imobiliário. Aqui na pequena pátria a alíquota já é de 2%. Aumentar o parcelamento pode ser um gás pra, também, fomentar o mercado imobiliário de Itajaí.

Foto (Divulgação) 


Se diz traído

Publicado 17/01/2021 12:05

A BBB voltou!

Publicado 17/01/2021 12:02

A minha ex-musa BBB, Anna Carolina (PSDB), começou o segundo mandato de vereadora na piramidal casa do povo da mesma forma que acabou o primeiro: buscando sempre lascar o pau no governo.

Quer saber

A galega colgate, que tem fama de berrona e reclamona, abriu 2021 pedindo a suspensão do reajuste do IPTU e querendo saber quem são os nomeados na autarquia de água & esgoto, o Semasa.

Pra torcida

Anna meio que joga pra torcida na questão do IPTU, pois isso nem é pauta de vereador, mas sim uma decisão do executivo. Além disso, a revisão da planta genérica era uma obrigação do prefeito barbudinho Volnei Morastoni (MDB), que poderia responder por improbidade administrativa caso não fizesse o procedimento.

Povão perderia

O reajuste anual do IPTU não pode ultrapassar 15% na city peixeira, pois existe um limitador. Já os descontos pra bons pagadores e pra quem quitar o tributo à vista, que são mais da metade dos contribuintes, podem chegar a 30%. 

Semasa

Anna deve ter lido a coluna deste socadinho escriba esta semana, que trouxe uma preocupação de servidores efetivos do Semasa sobre a competência dos comissionados, e questionou a qualificação profissional dos nomeados. Até aí tudo bem, uma boa iniciativa, pois se trata de dinheiro público.

Na câmara pode!

O problema é que a galega faz isso no executivo, mas não olha pro próprio umbigo no legislativo. Por que será que Anna faz vistas grossas às indicações na piramidal casa do povo? Nesse ponto a minha ex-musa brabona, berrona e bonitona nada diz.

Na mira

Por que não bota “na mira” quem não tem formação técnica e experiência pra assumir cargo? Dizem os bocudos que é por que lá tem indicação da própria galega que anda posando pras fotos com um sorriso colgate. Arreda, cambada!

Foto (Divulgação)


Gastarão menos

Publicado 16/01/2021 12:21

Se depender do deputado federal Jorge Goetten(PL), os portadores de psoríase, doença de pele relativamente comum, gastarão menos para tratar a doença. O parlamentar fez uma indicação para que o ministério da Economia reduza os tributos federais que incidem sobre os medicamentos utilizados para este fim.

Inflamatória

A psoríase é uma doença inflamatória não contagiosa e crônica, que faz com que o controle das lesões que surgem na pele tenha que ser feito pelo resto da vida. No mundo, mais de 65 milhões de pessoas sofrem com a doença. No Brasil, a estimativa é de que a psoríase atinja até 2% da população, de acordo com a sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Impacto

Os custos com o tratamento variam conforme o caso, mas podem chegar a R$ 10 mil mensais. “Pretendemos reduzir o impacto que o tratamento tem no orçamento familiar, para quem paga do próprio bolso, e também no orçamento público, já que o SUS oferece medicamentos para tratar a doença”, explica Goetten.

Reduziu

Nos últimos meses, o governo Federal, acertadamente, reduziu impostos sobre medicamentos voltados ao tratamento da atrofia Muscular Espinhal e no combate à covid-19. “Assim como ocorreu com estes medicamentos, muitas pessoas poderão ser beneficiadas com esta atenção especial que o governo pode dar para os portadores de psoríase”, avalia Goetten.

Foto (Divulgação)


Fim da moleza

Publicado 16/01/2021 12:14

O vice-presidente da piramidal casa do povo, galego Rubens Angioletti (Podemos), protocolou projeto de lei pra mudar artigo da lei orgânica do município pra acabar com o recesso do mês de julho. Coisa que já deveria ter acontecido há muito tempo.

Foto (Divulgação)


Visita do Futebolista

Publicado 16/01/2021 12:08

O ex-vereador, ex-deputado (interino), e ex-assessor da presidência da República, o ainda futebolista (qualhada segundo as más línguas), Níkolas Reis, que é presidente do Podemos peixeiro, visitou este socadinho escriba na semana que se encerra e soltou o verbo, como sempre, mas dessa vez pra cima desse colunista que até provoca a discórdia e o tumulto, mas para o bem da coletividade.

Simbólico

Comentando colunas de dias atrás, Níkolas garantiu que a eleição de Marcelo Werner (PSC) para a presidência da piramidal casa do povo peixeira é emblemática por conta da deficiência física e das qualidades do eleito que, segundo ele, enxerga bem mais longe do que muito político “bom do olho e mal de visão”.

Credenciar

Se o ex-comunista do Limoeiro souber aproveitar a oportunidade, garante com as mãos postas o futebolista qualhada, ops, Nikolas, tem tudo para se credenciar como liderança para a próxima eleição municipal.

Legado

O ex-vereador sugere que Marcelo precisa deixar uma marca e fazer a câmara ter uma “agenda positiva e não reativa ao que é bom ou mal no governo”. Níkolas diz, ainda, que Werner não tem que ser oposição, e é importante que seja governo, até para o bem da cidade.

Independência

O que Marcelo precisa garantir, conclui Nikolas, com um português pra lá de rebuscado, “é independência para a oposição fazer seu trabalho e para a câmara ser um lugar convidativo para o povo”. Então tá...

Toma...

Quanto as nomeações de Fábio Rezes, o Fabinho (PSC),  e Jorge Andrade, o Jorge Negão (PSB), para secretarias da piramidal, ladino que é o cara, provocou a tchurma governista afirmando que se esses nomes serviam para posições importantes no governo do Volnei, e porque não serveriam agora pra câmara? Faz sentido. Com a palavra o governo...

Ressaca

Mas o papo com o edil aposentado ainda rendeu pitacos em outros temas. Níkolas falou bastante das eleições e do que pensa pro futuro. Para ele, o adversário da oposição é a própria oposição nas duas próximas eleições que estão por vir.

Adversários

Níkolas reafirmou o que já tinha dito aqui outra vez,  que o atucanado Robison Coelho (PSDB, por enquanto...), o galego Rubens Angioletti (PODEMOS), e a minha ex-musa BBB, Anna Carolina (PSDB), são as maiores lideranças da oposição, mas acrescentou um tempero interessante.

Se não...

Segundo Nikolas, se esses três: Robison, Angioletti e Anna – não necessariamente nesta ordem-, não se entenderem e tiver mais de um candidato a deputado estadual, ele também é candidato. Cumé que é?

Três

A lógica do outrora menino de ouro até que faz sentido, se for pra ter duas candidaturas e não eleger nenhuma, então ele voltaria para o jogo pra medir forças e ver quem tem mais voto. Caso contrário, pode dar apoio aos três, sendo que um seria candidato a deputado estadual, outro a federal e o terceiro (terceira?) a prefeito. Todos com chance  nesse cenário.

Inimigos do Rei

Níkolas Reis ainda filosofou que o governo há pouco empossado está em contagem regressiva para terminar, e como nem o barbudinho Volnei Morastoni (MDB) e nem o barbudinho júnior Thiago Morastoni (MDB) podem ser candidatos à reeleição e à sucessão...

Respeitar

Nesse caso do fim da era Volnei, o adversário da oposição seria a própria oposição, que ainda segundo ele não tem que fazer oposição (hein?), e sim respeitar o resultado das urnas e fazer o possível para ajudar a city peixeira.

Tá mudado

O que fica da visita é que parece que o cara tá mudado, mais leve, clima paz e amor. Sobre Marcelo Werner, ainda concluiu que o presidente da piramidal, a depender do trabalho, pode se credenciar a ser um candidato na majoritária em 2024, seja fazendo do trio da oposição um quarteto, seja dentro do próprio governo. “Tem qualidade pra isso,” garantiu. Então tá...

Mas será?

O papo do Níkolas é muito bonito, muito legal, mas todo mundo sabe que o governo do barbudinho Volnei Morastoni vai investir pesado nesses últimos quatro anos, com Fonplata e coisa e tal, e que a oposição tá mais rachada do que o governo. Então, conselho de amigo, cuida dos dois...

Foto (Divulgação)


Pegou no pau da bandeira e...

Publicado 14/01/2021 11:43
Alterado 14/01/2021 14:19

Tem partidário do prefeito barbudinho Volnei Morastoni (MDB) cuspindo marimbondos vivos. Fulo da vida porque se arregaçou inteiro na campanha pra reeleger o alcaide, tem formação técnica, mas foi deixado na rua da amargura. Nem mensagem de Feliz Natal e Ano Novo recebeu.

Premiado

Contudo, entendendo que tem uma raça dos partidos aliados ou coligados que tão querendo empregar meio mundo, ficou de boa, esperando que lhe chamassem pra 'técnico de limpeza debaixo das escadas do paço'. Mas aloprou quando viu que a filha do presidente do PSD peixeiro, o Omar Bernardino, o Baga, ganhou um belo cargo.

Nem tchum

Caceteia que o Baga, que é o homem que não sorri, 'emprestou' o partido pra tempo de TV da oposição e, zanzava pedinchando votos  nas carreatas do então candidato emplumado, Robison Coelho (PSDB), e ganhou cargo pra filha. Ele que se agarrou com fé no pau da bandeira, não foi lembrado.

Foto (Divulgação)


Pedra no sapato

Publicado 14/01/2021 11:17

 

A água foi a pedra no sapato do prefeito Volnei Morastoni (MDB) nas últimas eleições. Mesmo tendo feito um governo com inúmeras realizações em diversas áreas, por pouco o barbudinho não perdeu a reeleição por causa de perrengues no Semasa.

Mudanças

Pelos corredores da autarquia é unanimidade entre os efetivos que os comissionados que trampavam por lá na última gestão eram pra lá de incompetentes, fingiam que trabalhavam e alguns nem apareciam no Semasa. Só uma mudança radical para garantir que nessa gestão a coisa vai.

Novo diretor

O ano de 2021 começou com mudanças no comando da autarquia, que passa a ser chefiada pelo ex-controlador geral do município, Rafael Luiz Pinto. Considerado por muitos extremamente sério e competente, o diretor geral terá a árdua missão de botar a casa em ordem, atendendo melhor as pessoas, substituindo tubulações antigas e melhorando a qualidade da água que chega pro povão.

Missão impossível

O grande problema é que, segundo alguns efetivos indignados, a capacidade técnica da grande maioria dos comissionados indicados é igual ou até pior do que na última gestão. O fato, complementam os bocudos, fará com que o diretor Rafael tenha uma missão praticamente impossível na autarquia. Ai, ai, ai, que dor!

Gordos salários

O detalhe é que no Semasa os salários são bem melhores do que na própria prefa e os cargos deveriam ser bem mais técnicos do que políticos. Conforme os mesmos efetivos, deste jeito o prefeito Volnei não conseguirá resolver nada e a autarquia poderá lhe render ainda muita dor de cabeça. Parece até que quase perder a eleição por causa do Semasa não ensinou nada ao barbudinho. Tá bem na hora de mudar...

Tudo igual

No fim das contas, coço o cocuruto e lembro aqui dos gordos salários que a turma da oposição deu pra muita gente sem qualificação na piramidal casa do povo e pra mesma situação rolando agora no Semasa, mas daí com a rapaziada governista, e chego a uma conclusão: são todos iguais, as atitudes são parecidas. As amarras políticas sempre acima da capacidade técnica necessária pro desenvolvimento da cidade. Uma pena!

Foto (Divulgação)


Enquanto isso...

Publicado 14/01/2021 09:39

O Pirão d'água, registrando o cotidiano

 

Colunistas

Coluna do JC

Marcelo Werner

Coluna esquinas

Curto-circuito

Coluna Esplanada

Plano Maia

Canal 1

Com Rodrigo Faro,  próximo “Canta Comigo” vai estrear em março

Clique diário

Deque Pontal Norte

Coluna do Janio

Marinheiro de volta aos eixos

Coluna do Frei Betto

2022, um presidente de centro?

Crônicas da vida urbana

Crônica com carro, cães, moça elegante e caminhão

Coluna Exitus na Política

O pão que alimenta o voto

Na Rede

Na rede

Via Streaming

Mais homenagem que adaptação

O lado de cá...

O Lado de Cá...

Coluna Fato&Comentário

Mais um patrimônio histórico a perigo

Jackie Rosa

Coluna da Jackie

Artigos

Começou um novo ano: 2021

Coluna Existir e Resistir

Dia Nacional do Samba: o que seria do Brasil sem este gênero musical?





Entrevistão

Entrevistão com os candidatos à prefeitura de Itajaí (Parte 2)

Entrevistão com os candidatos à prefeitura de Itajaí (Parte 1)

Entrevistão com os candidatos à prefeitura de Balneário Camboriú (Parte 2)

Entrevistão com os candidatos à prefeitura de Balneário Camboriú (Parte 1)

Itajaí

Entrevistão com os candidatos à prefeitura de Porto Belo



Fotos





TV DIARINHO




Podcasts

MINUTO DIARINHO 27/01/21

Publicado 27/01/2021 21:04





Blogs

Blog Clique Diário

Cenas que marcam Itajaí

Blog do JC

Robson, Bob e Darci...

Blog da Ale Francoise

Shot para imunidade!

Blog Doutor Multas

Multa por excesso de velocidade: saiba como recorrer

A bordo do esporte

L’Etape Brasil Tour de France tem inscrições encerradas

Blog da Jackie

Surfland



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯