Matérias | Especial


MAR DE OPORTUNIDADES

BC virou referência de lazer e de bem-viver 

Balneário Camboriú tem uma estreita ligação com a economia do mar, que move setor turístico

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A cidade também é conhecida como a Dubai brasileira; arranha-céus margeiam a disputada orla  (Foto: Divulgação)


Muitos adjetivos definem Balneário Camboriú, denominado por muitos como a Dubai brasileira. A comparação com a cidade dos Emirados Árabes se dá devido aos gigantescos e luxuosos arranha-céus, que margeiam a orla do mais concorrido balneário do sul do Brasil, como também pelo elevado padrão de vida dos moradores. Além, é claro, de sua estreita ligação com o mar. O turismo e a construção civil são os principais pilares da economia local, atividades que têm estreita ligação com o mar. 


“Em Balneário Camboriú, temos uma relação direta com a economia do mar [ou economia azul], que move todo setor turístico, um de nossos principais motores econômicos”, destaca o prefeito Fabrício Oliveira (Podemos). O município conta com uma população estimada em 149 mil habitantes (IBGE/2021), que praticamente quadruplica nos meses de verão, podendo atingir até 1,5 milhão de habitantes em períodos de pico, a exemplo das festas de final de ano.

Continua depois da publicidade



Para aprimorar a relação com o mar e garantir melhor qualidade de vida à população, o município fez investimentos importantes em saneamento básico e na recuperação dos rios. “Balneário Camboriú caminha rapidamente para a universalização do saneamento básico, com 98,5% de rede coletora de esgoto instalada em todos os bairros, e chegaremos aos 100% no ano que vem. A legislação sanitária do município também ficou mais rigorosa, com multas mais pesadas e intensificação nas vistorias em casas e condomínios”, pontua o prefeito.

Segundo Fabrício, todo esse investimento fortalece o desenvolvimento da economia do mar, além de trazer uma qualidade de vida que, antes, não existia para os moradores e visitantes.

Mar marcou início da cidade

A presidente do Convention Bureau de Balneário Camboriú, Margot Rosenbrock Libório, destaca a importância da economia do mar para o município, que se desenvolveu ao redor da orla e que, por muitos anos, foi visto apenas como um destino de sol e mar. “Todo o desenvolvimento da cidade, os novos atrativos turísticos, as novas oportunidades [seja no setor de serviços ou do comércio] sempre estiveram atreladas ao mar”, explica.

Continua depois da publicidade



O secretário de turismo e desenvolvimento econômico de Balneário Camboriú, Genivaldo [Geninho] Góes, diz que o mar impulsiona a economia em vários aspectos. “A construção civil se desenvolveu, principalmente, pela nossa praia visitada por pessoas que buscavam momentos de lazer, pelas práticas desportivas ligadas ao mar e também pelo desenvolvimento do turismo náutico. Pelo mar que chega parte dos nossos visitantes e é ele que atrai turistas durante o verão”, enfatiza o secretário.

Margot vai além: “Setores que hoje são muito fortes e pujantes na cidade, a exemplo da construção civil, cresceram devido à vocação turística de Balneário Camboriú, que está muito jogada ao mar”, acrescenta a executiva. “As pessoas vinham para cá como turistas. Achavam incrível morar aqui, e acabavam se transferindo e investindo no mercado imobiliário”, diz.

Ainda segundo a presidente do Convention & Visitors Bureau, a cidade é um destino extremamente turístico. “Outras atividades se desenvolvem, mas sempre lincadas com o turismo, que oxigena a economia da cidade.”

Riqueza

 O município tem o Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 5,55 bilhões (IBGE/2019) e o PIB per cápita de R$ 40 mil (IBGE/2018), enquanto a média brasileira é de R$ 33,6 mil. Já o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) apurado é de 0,845, considerado muito alto pela Organização das Nações Unidas (ONU). O IDH de Santa Catarina é de 0,744 e, o nacional, de 0,724. Os números são do último levantamento, realizado em 2010.

 

Desenvolvimento com respeito à história

“O crescimento e o elevado índice de urbanização de Balneário Camboriú impedem que esqueçamos dos nossos pescadores, já que a pesca é uma das primeiras atividades econômicas de nossa cidade e região”, enfatiza Fabrício Oliveira. O prefeito defende a importância cultural e econômica da pesca para a cidade, uma vez que a atividade ainda garante a subsistência de muitas famílias que vivem nas praias agrestes e localidades afastadas da Praia Central.

“Firmamos convênios com a Colônia de Pesca e buscamos sempre atender às demandas desse setor que é econômico e cultural. Outros investimentos no setor foram firmados e estão na fase de projeto”, completa. Entre eles, a construção de um novo terminal de pesca. “A economia do mar é de extrema importância para o nosso estado, face à série de investimentos e oportunidades que ela oferece e representa. Cabe a nós, gestores, sempre um olhar especial para os segmentos que estão ligados à economia azul.”

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





54.211.101.93

Últimas notícias

Tá rolando

Abertura da temporada de BC é transmitida ao vivo no facebook do DIARINHO

Navegantes

Motociclista morre ao invadir contramão da BR 470

Itajaí

Motorista passa direto em cruzamento e causa acidente no centro

Novo sucesso

Vitor Kley lança versão acústica de "O Amor Machuca Demais"

Santa Catarina

Matriz de risco da covid aponta 13 regiões no nível moderado

Reconhecimento

Prêmio Fritz Müller é entregue a entes públicos e privados que aliam sustentabilidade e produção

Chegou a hora

Temporada de verão abre neste sábado em BC

Acidente

Carro invade trevo de acesso à Itajaí

Olho na sorte

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 16 milhões neste sábado

Pandemia 

Penha cancela réveillon e programação de shows nacionais  



Colunistas

JotaCê

Novo tempo

Jackie Rosa

Um café daqueles...

Via Streaming

“Raised by Wolves”

Na Rede

Na Rede

Instituto Ion | Informando e Inovando

O PIX veio para ficar ou não?

Canal 1

SBT tem uma cartilha de mudanças para os próximos tempos

Coluna Adjori SC

Abaixo-assinado cobra mais atenção para as rodovias federais catarinenses

Coluna Esplanada

O “terrível” Grandioso

Espaço InovAmfri

Dados para salvar o meio ambiente

Clique diário

Paisagem

Coluna esquinas

Ferida aberta

Coluna do Janio

Boas notícias no Marinheiro

Coluna Tema Livre

Corrida presidencial

Coluna Exitus na Política

Sonhos em Tarimbas

Coluna do Ton

Inauguração

Coluna Fato&Comentário

“Anuário de Itajaí”- edição especial

Coluna do Frei Betto

Império do medo

Artigos

Um tributo à verdade



TV DIARINHO


Entrevistão Rodrigo Fernandes Juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina





Especiais

Meio Ambiente

Juarez Müller, o homem das árvores e flores, recebe homenagem na Câmara de Vereadores

Escotismo

Grupo Lauro Müller volta renovado após quase dois anos de incertezas

REGIÃO

Confira a lista das escolas particulares

SESC/SENAI

Escola S alia grade curricular básica ao ensino tecnológico e bilíngue

Colégio Energia

Líder em aprovação, Energia acumula 25 anos de credibilidade, qualidade e inovação



Blogs

Blog do JC

Instagram de controlador da prefa de Penha é hackeado

A bordo do esporte

Contagem regressiva de sete meses para a Globe 40

Blog Doutor Multas

Recurso suspensão CNH: como fazer?

Blog do Ton

Líbere Fashion Show

Blog da Ale Francoise

Você conhece a seiva do dragão?

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW

Blog Clique Diário

Ilha das Cabras - Balneário Camboriú

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Rodrigo Fernandes

"Os jovens, com certeza, têm a capacidade e o potencial de mudar o resultado de uma eleição”

Érica Becker e Pedro Junger

“Já tem dados que comprovam que o ser humano está ingerindo o próprio plástico que insere nos oceanos”, Érika Becker

Ciro Gomes

"O brasileiro tá pagando agora o preço do derivado de petróleo, da gasolina, em dólar”

Guido Petinelli

O melhor empreendimento é aquele que enriquece o bairro.”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯