Matérias | Geral


CONSUMIDORES LESADOS

Saiba como entrar na ação coletiva do Procon de Itajaí contra a loja Santo Lar

Vítimas também devem registrar reclamação nos Procons locais

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Há denúncias em, pelo menos, nove estados por falta de entrega de produtos e devolução de valores (foto:

Clientes lesados pela loja Santo Lar devem se habilitar na ação civil pública já aberta pela procuradoria de Defesa do Consumidor (Procon) de Itajaí ou entrar com ação individual contra a empresa. A loja de vendas online tem sede em Itajaí e é alvo de centenas de reclamações por falta de entrega de produtos e de reembolso de valores. O site da loja foi derrubado na sexta-feira após decisão da justiça a pedido do Procon. A polícia Civil também investiga o caso.


Após publicação de matéria no fim de semana, o DIARINHO recebeu diversas mensagens de vítimas da loja com dúvidas sobre o que fazer após terem ficado no prejuízo. Os clientes já não conseguem mais contato com representantes da empresa pra entrega de produtos e pra tentar reaver o dinheiro pago pelas mercadorias. Outras vítimas tentar cancelar pedidos feitos há meses e que foram pagos via boleto sem recebimento do produto.

Continua depois da publicidade



As vítimas estão espalhadas por todo o país. Até o momento, a ação do Procon de Itajaí representa cerca de 25 pessoas e outras ainda estão ingressando no processo. A maioria é cliente de outras cidades e estados. De acordo com o procurador municipal Salésio Pedrini, a orientação é que as vítimas se habilitem na ação coletiva, sem deixar de registrar a reclamação no Procon da cidade onde a pessoa mora.

“Quem for morador de Itajaí deve registrar reclamação aqui, mas deve também se habilitar na ação”, explica. O procedimento pra entrar na ação deve ser feito por meio de um advogado. Salésio destaca que o consumidor também pode ingressar com uma ação individual na cidade onde reside, citando no processo o número da ação que corre pelo Procon de Itajaí, nos autos 50253875220218240033.

A ação civil pública foi aberta na semana passada após as primeiras denúncias recebidas pelo Procon. O processo é contra a loja e o sócio administrador da loja, Danilo Franchini dos Santos, por práticas abusivas ao consumidor. A justiça já concedeu liminar determinando o bloqueio de bens, a proibição do sócio em formar nova sociedade e o bloqueio do site, que foi derrubado na sexta-feira. O valor da causa é de R$ 500 mil.

Um inquérito da polícia Civil apura a responsabilização criminal do sócio da empresa a partir de boletins de ocorrência registrados pelas vítimas. A polícia acredita em mais de cem vítimas, fora as de investigações de outros estados. O procurador de Itajaí avalia que é difícil estimar o número total de clientes lesados. Em grupos de WhatsApp formados por clientes se fala em mais de 500 pessoas prejudicadas. No site Reclame Aqui, são mais de mil queixas registradas nos últimos meses.

Continua depois da publicidade



 

Vítimas em ao menos nove estados

Na ação coletiva já estão clientes dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Sergipe, além de Santa Catarina e do Distrito Federal. Ao DIARINHO, também se manifestaram vítimas da Bahia e do Mato Grosso e de cidades da região de Itajaí, como Balneário Camboriú e Barra Velha. Há relatos de clientes que foram lesados em mais de R$ 20 mil, na compra de equipamentos fotográficos.

Entre as vítimas está uma moradora de Aracaju, em Sergipe, que teve prejuízo de R$ 7.690. “Efetuei a compra de 01 Câmera Canon DSRL EOS 80D na Loja SantoLar, sendo que dia 30.08.2021 emitiram a nota fiscal. Porém, a mercadoria não foi enviada. Não consigo contato com a loja e os telefones não estão funcionando ou não são atendidos”, relatou.

A empresa foi aberta em 2018 e a atuava no comércio online de móveis, eletroeletrônicos, produtos de informática, utilidades domésticas e celulares. A loja física de Itajaí, na avenida Sete de Setembro, está fechada há duas semanas. Clientes revoltados com a empresa chegaram a invadir a loja e levaram os produtos que tinham no local.




Comentários:

claudinea islene

26/10/2021 14:31

Boa tarde. Gostaria de entrar no grupo de WhatsApp, já perguntei um tempo atrás como faço e não tive resposta. Alguém poderia me ajudar, Acho que este é o objetivo, nos ajudarmos né. pq o prejuízo foi geral

Samuel Gomes Teixeira

22/10/2021 11:55

Alguém já conseguiu entrar na Ação Civil Pública nºº50253875220218240033? Qual o caminho?

Joabe Sousa

18/10/2021 15:18

Pessoal, boa tarde a todos ! Já estou com o Advogado Dr. Guilherme(Wat Zap 47-9618-3110) ingressando com uma ação contra a loja. Quem se interessar e conversar com o pessoal do escritório, Ele vai ditar o que deve ser feito. Obs: Entrei por conta própria.

ELIZABETE

18/10/2021 03:21

Também gostaria de participar dessa ação civil publica. Como faço? Sou de santo André SP

LEILA DE ASSIS MARTINS

12/10/2021 16:35

Minha experiência: pesquisei muito, me informei também, o recomendado seria 1º passo registrar B.O. Obs.:chegando na delegacia do meu bairro, contei que comprei um produto numa loja on-line, não recebi, nem o produto, nem o reembolso. O policial com muita mal vontade de trabalhar: falou precisa procurar o PROCON! Isso não seria caso de policia! aqui só roubo ou furto, mas insisti e falei que foram muitas vitimas, que um inquérito da polícia Civil apura a responsabilização criminal e que seria um roubo ou furto sim!! então ele resolveu registrar o meu B.O. Agora só falta a denúncia no Procon, que aqui em SC precisei agendar pelo site, ficou para dia 20/10, já estou com toda a documentação preparada. Irei pedi para me habilitar na ação coletiva nº50253875220218240033, já existente em Itajaí/SC. O procedimento pra entrar na ação deve ser feito por meio de um advogado...notícia ruim!! fazer o que? Estou no aguardo do dia 20/10 para me informar melhor.

eder

11/10/2021 17:58

Também fui lesado pela loja, existe algum numero para entrar em contato e participar ação civil pública? me adicionem no grupo de denuncias pelo whatsapp 62 996756085

Joabe Sousa

07/10/2021 16:24

Sou do Pará e fui lesado em 7.199,00...alguém tem o grupo do watzap pra que Eu possa participar?

Tainá Figueras Dorado Rodrigues

07/10/2021 16:05

Também gostaria de participar dessa ação civil publica. Como faço? Sou de Mato Grosso, e também fui lesionada!

Vinícius Provazzi

06/10/2021 08:30

Também fui lesado pela loja, existe algum numero para entrar em contato e participar ação civil pública?

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





54.211.101.93

Últimas notícias

Tá rolando

Abertura da temporada de BC é transmitida ao vivo no facebook do DIARINHO

Navegantes

Motociclista morre ao invadir contramão da BR 470

Itajaí

Motorista passa direto em cruzamento e causa acidente no centro

Novo sucesso

Vitor Kley lança versão acústica de "O Amor Machuca Demais"

Santa Catarina

Matriz de risco da covid aponta 13 regiões no nível moderado

Reconhecimento

Prêmio Fritz Müller é entregue a entes públicos e privados que aliam sustentabilidade e produção

Chegou a hora

Temporada de verão abre neste sábado em BC

Acidente

Carro invade trevo de acesso à Itajaí

Olho na sorte

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 16 milhões neste sábado

Pandemia 

Penha cancela réveillon e programação de shows nacionais  



Colunistas

JotaCê

Novo tempo

Jackie Rosa

Um café daqueles...

Via Streaming

“Raised by Wolves”

Na Rede

Na Rede

Instituto Ion | Informando e Inovando

O PIX veio para ficar ou não?

Canal 1

SBT tem uma cartilha de mudanças para os próximos tempos

Coluna Adjori SC

Abaixo-assinado cobra mais atenção para as rodovias federais catarinenses

Coluna Esplanada

O “terrível” Grandioso

Espaço InovAmfri

Dados para salvar o meio ambiente

Clique diário

Paisagem

Coluna esquinas

Ferida aberta

Coluna do Janio

Boas notícias no Marinheiro

Coluna Tema Livre

Corrida presidencial

Coluna Exitus na Política

Sonhos em Tarimbas

Coluna do Ton

Inauguração

Coluna Fato&Comentário

“Anuário de Itajaí”- edição especial

Coluna do Frei Betto

Império do medo

Artigos

Um tributo à verdade



TV DIARINHO


Entrevistão Rodrigo Fernandes Juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina





Especiais

Meio Ambiente

Juarez Müller, o homem das árvores e flores, recebe homenagem na Câmara de Vereadores

Escotismo

Grupo Lauro Müller volta renovado após quase dois anos de incertezas

REGIÃO

Confira a lista das escolas particulares

SESC/SENAI

Escola S alia grade curricular básica ao ensino tecnológico e bilíngue

Colégio Energia

Líder em aprovação, Energia acumula 25 anos de credibilidade, qualidade e inovação



Blogs

Blog do JC

Instagram de controlador da prefa de Penha é hackeado

A bordo do esporte

Contagem regressiva de sete meses para a Globe 40

Blog Doutor Multas

Recurso suspensão CNH: como fazer?

Blog do Ton

Líbere Fashion Show

Blog da Ale Francoise

Você conhece a seiva do dragão?

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW

Blog Clique Diário

Ilha das Cabras - Balneário Camboriú

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Rodrigo Fernandes

"Os jovens, com certeza, têm a capacidade e o potencial de mudar o resultado de uma eleição”

Érica Becker e Pedro Junger

“Já tem dados que comprovam que o ser humano está ingerindo o próprio plástico que insere nos oceanos”, Érika Becker

Ciro Gomes

"O brasileiro tá pagando agora o preço do derivado de petróleo, da gasolina, em dólar”

Guido Petinelli

O melhor empreendimento é aquele que enriquece o bairro.”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯