Matérias | Polícia


Cansada de apanhar

Mulher mata o marido no Santa Regina

Homem chegava a usar arma de choque para torturar a esposa

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Homem usava uma arma de choque para torturar a esposa (Ilustrativa)

Uma mulher de 36 anos, que constantemente apanhava do marido, matou ele a tiros na madrugada de terça-feira, na rua Lídia Souza de Paula, no bairro Santa Regina, em Itajaí. O homem chegava a usar uma arma de choque nas torturas a que submetia a mulher.


O homicídio aconteceu às 2h30 da madrugada. Ela disparou várias vezes contra o companheiro, Éder Aparecido do Pilar, 36 anos. Ele dormia no quarto do casal.

Continua depois da publicidade



Na casa foram apreendidos um colete à prova de balas, 100 munições de calibre 9 mm, uma arma de choque, uma pistola calibre .45, e uma pistola 9 mm.

A mulher já tinha registrado um boletim de ocorrência informando sofrer ameaças e agressões físicas. A arma de choque apreendida era um dos objetos de tortura.

O homem tinha passagens por porte ilegal de arma, adulteração, tráfico e violência doméstica. O casal tem três filhos, uma menina de 15 anos e dois meninos de oito e três anos. Eles mantinham uma empresa de disque água e gás.

Presa em flagrante

Continua depois da publicidade



O delegado Ricardo Saroldi Chaves prendeu a mulher em flagrante.  Ao delegado, a acusada contou que há anos apanhava do marido. Ela afirma que era torturada física e psicologicamente e que a filha do casal também foi vítima de agressões. “A agressão  à filha teria motivado a mulher a matá-lo”,  explicou o delegado.  A mulher esperou o homem dormir e disparou cinco tiros.

O delegado decidiu mantê-la presa e encaminhou o caso à justiça. “Eu acredito que houve excesso porque ela poderia ter chamado a polícia ou ter utilizado outros meios para cessar s agressões”, opinou.

O delegado informou que a tese de legítima defesa poderá ser alegada pelo advogado no decorrer do processo judicial. 

A arma usada no crime foi uma pistola nove milímetros, que estava registrada no nome da mulher e que foi comprada legalmente.  Ela ainda tinha uma pistola .45. Todas as armas foram apreendidas.


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.170.171

TV DIARINHO


Vem aí: Itajaí, sua linda! Acompanhe a série de vídeos que é um presente de aniversário a Itajaí. Na ...



Podcast

Minuto DIARINHO 11/06/2021

Publicado 11/06/2021 21:26



Especiais

Números

Itajaí investe R$ 98 milhões no enfrentamento à pandemia

Compras seguras

Comércios e serviços garantem protocolos sanitários

Navegantes 

Enfrentamento à pandemia é desafio

Para não errar

Máscaras caseira, cirúrgica e N95: quando usá-las?

Análise

Vacina é solução e não milagre



Blogs

A bordo do esporte

Semana Internacional de Vela de Ilhabela 2021 está confirmada

Blog do JC

Vereador Kaká garante mais de dois milhões em emendas

Blog Doutor Multas

Recurso de multa por estacionar no acostamento

Blog Clique Diário

Exposição Itajaí em Imagens

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯