Colunas


JotaCê

Por Coluna do JC -

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Saldré...


O vice-prefeito de Itajaí, Marcelo Saldré, ops, Sodré, visitou a choupana do JC (foto: divulgação)

O vice-prefeito e presidente do PDT peixeiro, Marcelo Saldré, ops, Sodré, fez uma visita de cortesia ao socadinho escriba, ontem. Marcelo afiançou que o intuito é estreitar laços com as forças vivas da sociedade e ressalta que a imprensa é uma delas. Pretende visitar os órgãos de comunicação em breve. Faz bem!

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





 

Candidato

Marcelo revelou que é pré-candidato a deputado federal pelos brizolistas. Ele calcula que o PDT lance uma média de 25 candidatos à uma cadeira na câmara federal em Brasília e, que é possível eleger um representante com 25 mil votos. E, ele, garante, está nesse páreo.

Convergência

Sodré, conta, também, que já conversou com outros dirigentes partidários sobre o voto útil. Frisou que não adianta  um punhado de candidatos e ninguém chegar. Diz que pretende manter novas conversas e defende que tanto situação, quanto oposição, lancem cada um dois candidatos a deputado estadual e um federal.

30 anos

Marcelo  lembra que faz mais de 30 anos que não se elege um deputado federal de Itajaí e que é preciso que se pense em nomes que tem possibilidade de lutar pelas nossas demandas lá em riba. E acredita que, pela sua história, com passagens em várias áreas da administração pública, se sente capacitado pra estar lá. “Sempre elegemos um deputado federal e dois estaduais”, recorda o capo do PDT.

Altos planos

Marcelo também fala que está trabalhando no intuito de ser candidato à sucessão do prefeito barbudinho Volnei Morastoni, em 2024. Acredita na viabilidade do projeto e diz que, se lá na frente tiver a oportunidade de ser candidato, vai mostrar trabalho por Itajaí.

Volnei na labuta

O prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni (MDB), segue sua rotina intensa de trabalho no gabinete, pelas secretarias e ruas da city peixeira. O barbudinho, como todo mundo sabe, é muito trabalhador, geralmente o primeiro a chegar e o último a ir embora.

Fofoca maldosa

Falo isso porque tem rolado pelos corredores da prefa peixeira e autarquias uma fofoca maldosa de que Volnei estaria doente e se afastaria do cargo pra tratamento de saúde, dando lugar para o vice-prefeito Marcelo Saldré, ops, Sodré (PDT), assumir o comando do executivo.

Não vai sair

O burburinho não é real. Em contato com a chefia de gabinete e secretaria de comunicação da prefa peixeira, este socadinho escriba recebeu a informação que o prefeito Volnei segue firme e forte no trampo e que não há qualquer possibilidade de se afastar. O barbudinho tem como meta fazer este mandato bem melhor que o último, fechando com chave de ouro o seu trabalho como gestor público.

Fogo amigo

O fato mostra que, enquanto Volnei trabalha dia e noite, uma turma de desocupados ou mal intencionados tenta desestabilizar o próprio governo do qual faz parte. Esse fogo amigo seria por que o barbudinho não poderá mais ser candidato a prefeito?

Traíras

É lamentável perceber atitudes assim, especialmente de quem deveria estar ao lado do chefe do executivo, arregaçando as mangas em prol do povo. Deixa o homem trabalhar, concluir o seu mandato, e se tiverem competência, também trabalhem. A próxima eleição pro executivo acontece só daqui três anos!

Comissão do Porto

Ainda falando sobre a possível privatização do porto de Itajaí, processo que está na iminência de acontecer, é preciso reconhecer que a câmara de vereadores foi o único órgão público que decidiu discutir as questões de forma transparente, através da criação de uma Comissão Mista. Na legislatura passada, o atucanado Robison Coelho (PSDB) chegou a cobrar a formação de um foro de discussão, mas ninguém nem tchum.

Lição de Casa

O presidente da Comissão Mista, o devoto Beto Cunha (PSDB), fez a lição de casa de unir em torno da Comissão os principais setores representativos da cidade. Participam da Comissão os Trabalhadores Portuários, ACII, OAB, Univali, porto, município, o próprio Foro Metropolitano e os principais sindicatos patronais ligados à atividade Portuária – transportadores, operadores portuários, terminais retroportuários e despachantes marítimos.

Fechou Questão

A Comissão Mista, que também conta com os vereadores Mamão (PSB) e Bruno da Saúde (MDB), fechou questão com relação à manutenção do modelo de Autoridade Portuária Pública com operações pela iniciativa privada. No último encontro o deputado federal Carlos Chiodini (MDB), que preside a Comissão de Viação e Transportes da Câmara Federal, deu um pulo em Itajaí para ouvir o pessoal.

Estudos da EPL

O que todos aguardam ansiosos é a apresentação da EPL – Empresa de Planejamento e Logística -, designada pelo governo Federal para apresentar os estudos realizados para definição do novo modelo para o porto de Itajaí. A participação da EPL, na próxima reunião da Comissão Mista, está prevista para o final de julho ou começo de agosto.

Bastidores

O que falta para a classe política é interlocução de bastidores com o governo Bolsonaro, para que o novo modelo para o porto de Itajaí não venha de goela abaixo, sem que se leve em consideração a história de sucesso do nosso terminal. É de se lamentar o silêncio dos bolsonaristas de plantão na defesa do porto de Itajaí. Por onde andam os deputados Onir Mocelin (PSL) e Ana Campagnolo (PSL) e o best friend forever do Capitão, Emílio Dalçoquio, nessas horas?

Repercutiu

Na Dubai Brasileira uma pá de puxas do prefeito pop star Fabrício Oliveira (Podemos) pegaram as notas publicadas por esse escriba na última segunda-feira, botaram foto do prefeito em cada uma e espalharam pelos zap da vida e redes sociais. Espero que façam o mesmo o dia que a coluna precisar pegar um pouco no pé do pop prefeito. Hehe.

Sucessão

Ainda na Dubai, tanto o prefeito Fabrício Oliveira, quanto o vice-prefeito, o homem sorriso Carlos Humberto (PL), aparecem como pré candidatos em 2022. Fabrício quer alçar voos mais longos. Fala-se em governador, vice-governador e senador.

Quem?

O homem quer voar, mas sem plumas. Já CH tem se mostrado nas suas redes como pré-candidato à leleia de SC. A pergunta é: se FO for candidato, terá que renunciar. Se CH vencer para deputado, terá que renunciar. Quem irá administrar a city?

Assume CH

Bem, vozes e mais vozes assopraram para este socadinho escriba que Carlos Humberto tá mesmo é torcendo para Fabrício sair candidato. As vozes garantem que se isto acontecer, o empresário nem quer saber mais da leleia e assumirá o município para os próximos dois anos e pouquinho de mandato, sendo candatíssimo à reeleição.

Dança da canoa

Consultando o pai Atanásio, aquele que dá uma baforada e o futuro aparece, caso Carlos Humberto vire prefeito de fato, com a renúncia de Fabrício para se candidatar (e pode nem levar), o construtor civil deverá fazer uma verdadeira revolução na coisa pública e muitos fabricistas de carteirinha devem fazer a dança da canoa e zarpar do paço.

No plenário

Linguarudo da casa do povo da Dubai garante que o vereador trabalhista, Dudu Zanatta (PDT), já voltou a atuar na casa do povo presencialmente no plenário, aliás, como único que mantém o uso da máscara inclusive nos discursos.

Sisqueceu

Na série sobre as previsões e os acertos do pai Atanásio, na casa do povo da Maravilha, o veio não poupou nem o vereador e dublê de galã Cauã Reymond, versão Camelô, Anderson Silva, digo, dos Santos (Podemos), que é corretor de imóveis, mas na ansiedade de legislar, chegou a sisquecer que para mexer na metragem de terreno comercial, na área central, precisava alterar o plano diretor.


Comentários:

Haroldo Oliveira da Silva

24/06/2021 15:15

O que fatalmente, vai acontecer nesta eleição é a continuação do que ocorreu nas outras, ou seja, lança-se um caminhão de candidatos, muitos sem a menor chance e, com é o caso do digníssimo vice prefeito e, não se elege ninguém.

Rodrigo Pinzegher Silveira Silveira

24/06/2021 14:04

É lamentável que nossa cidade não se tenha uma união para eleger 2 Deputados Estaduais daqui e 1 Federal frouxo. É só acertar e fazer uma campanha para a população entender a importância de termos e votar em deputados de Itajaí

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

TV DIARINHO

Confira os destaques desta segunda-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 26/07/2021

Publicado 26/07/2021 21:05


Especiais

Referência

Balneário Shopping é porta de entrada de grandes marcas

Boas compras

Diversidade e qualidade caracterizam o comércio de Balneário Camboriú

Uma nova BC

Investimentos públicos pesados para a retomada da economia

Cartão postal de Balneário Camboriú

Roda-gigante mudou a paisagem para sempre

Parque Unipraias

Tedesco é pioneiro no turismo de BC



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯