Matérias | Geral


Masterplan

Parques, mudanças viárias e urbanísticas pro futuro de Balneário

Estudo foi apresentado pelo escritório Jaime Lerner na câmara de vereadores de BC e deve nortear crescimento nos próximos anos

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Novas matrizes econômicas e polo industrial também foram apontadas em estudo (FOTO: ELTON DAMASIO)

Oito eixos de desenvolvimento devem nortear o crescimento sustentável de Balneário Camboriú nas próximas décadas. Estudo divulgado nessa segunda-feira, na câmara de vereadores, avalia a atual realidade e projeta a cidade pro futuro com a criação de parques ecológicos, áreas para o desenvolvimento de tecnologia e inovação, total reformulação do desenho viário e urbanístico de áreas centrais e qualificação do turismo. Aponta ainda novas matrizes econômicas com o aproveitamento de áreas próximas à BR 101 pra criação de um polo industrial.


Essas diretrizes foram levantadas pela equipe do escritório Jaime Lerner Arquitetos Associados, de Curitiba, e elencados no Masterplan BC, entregue aos vereadores. Os eixos devem servir de linha mestra para a revisão do plano diretor do município, a partir do ano que vem.

Continua depois da publicidade



“O estudo engloba desde um olhar de integração municipal, intermunicipal e regional, inclusive com a viabilização de parcerias interfederativas [para resolver problemas nas esferas dos transportes, das águas], até a melhoria na qualidade de vida do morador. Isso envolve a implementação de ações nas áreas de mobilidade, sustentabilidade ambiental e planejamento urbano”, diz a arquiteta Valéria Bechara, sócia-fundadora da Jaime Lerner Arquitetos Associados.

A especialista ressalta que o trabalho contempla todo o município, da orla da praia central às praias agrestes e à morraria, com foco no desenvolvimento sustentável. Valéria diz que as propostas denotam a preocupação de BC com a construção de um futuro com condições de promover o crescimento da cidade e alavancar o desenvolvimento econômico sustentável.

O estudo considera a geografia da cidade [como um fator de fragmentação do território], qualidade de vida, de paisagem, a questão histórica da ocupação e o contraponto das praias agrestes com o ar cosmopolita da área central. O rio Camboriú é tratado como um elemento divisor e, ao mesmo tempo, como ponto de conexão entre história, economia, e a BR 101 em seus diversos aspectos. “Esses eixos foram definidos, buscando identidade e autonomia para cada uma das regiões e a sua integração com o restante da cidade.”

Valéria destaca a participação da comunidade no Masterplan BC. “Embora queiramos entregar o melhor trabalho possível, estamos aqui de passagem. A participação da comunidade na construção do trabalho é crucial”, finaliza.

Continua depois da publicidade



Masterplan contempla toda a cidade

O próximo passo, agora, será a contratação de um escritório especializado para compilar todos os dados que constam no estudo e alinhá-los com os elementos que constam na última versão do plano diretor de Balneário Camboriú. A secretária de Planejamento, Adeltraut Zoscke, diz que o processo licitatório já foi aberto e o trabalho deve iniciar nos primeiros meses de 2022.

“Essa é a quinta etapa do estudo desenvolvida pelo escritório Jaime Lerner, que vai nos orientar bastante no desenvolvimento da revisão do plano diretor e nos dar o embasamento necessário para projetar o desenvolvimento da cidade na sua totalidade, respeitando as particularidades de cada bairro”, destaca a secretária.

O grande desafio é implementar todo esse planejamento, o que deve ocorrer em longo prazo. “O Masterplan é uma diretriz, e o plano diretor será mais incisivo, ou seja, vai aplicar para cada bairro, cada setor da cidade, o desenvolvimento”, acrescenta Adeltraut.

O vereador Marcos Augusto Kurtz (Podemos) defende a implementação dessas novas diretrizes de crescimento para Balneário Camboriú de forma imediata. “A cidade não pode parar. Precisamos integrar a cidade, os bairros, implementando projetos que garantam uma melhor mobilidade urbana e o desenvolvimento do turismo de forma sustentável. O novo plano diretor será fundamental nesse processo”, completa.

Eixos de desenvolvimento

Praias agrestes terão valorização viária e de estrutura

Na área central de Balneário Camboriú, o Masterplan prevê a implementação de área delimitada como parque da orla central, com a incorporação de diversidade e sustentabilidade, por meio de projeto que incorpore conceitos econômicos, ambientais e sociais, agregue modernidade e crescimento sustentável e harmônico.

As praias agrestes estão delimitadas como costa ecológica interpraias, com a valorização da estrutura viária e turística já existente, além da abertura de novas rotas turísticas, criadas de forma a privilegiar a geografia e a cultura dessas áreas. Para o rio Camboriú o estudo projeta a urbanização da região com a criação de áreas de lazer, mercado público, área de gastronomia, espaços culturais e valorização da atividade pesqueira como tradição do local.

Outra região, que jamais foi pensada como ferramenta de exploração turística e imobiliária, engloba as áreas adjacentes às lagoas de decantação da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA). Para o local está projetado o parque das águas com a urbanização da região, unindo as áreas contíguas, complexo ambiental e o próprio centro de convenções e as lagoas em um grande parque público.

Para a mesma região, está desenhado o aproveitamento das áreas próximas à rodovia, com investimentos em parques e áreas verdes e urbanizadas, além de áreas industriais para instalação de empreendimentos de grande porte. O projeto BR verde deve ainda integrar outras regiões como um polo industrial e de prestação de serviços. 

Inovação e ciência

Outro importante eixo deve alavancar ciência e inovação, com a integração do campus de Balneário Camboriú da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), o Hospital Ruth Cardoso, outras instituições educacionais e área projetada para abrigar um parque tecnológico em uma nova centralidade. Essas são ações projetadas para o eixo da ciência e para a criação do Balneário Camboriú Parque de Inovação.

Para a área norte da cidade, é proposto um projeto ecológico com a valorização das áreas verdes, valorização da paisagem de Mata Atlântica, integrado a áreas para ocupação imobiliária, para comércio e serviços, propiciado a geração de emprego e renda, e programas de inovação e estímulo ao desenvolvimento, conforme as características de cada local.

“São propostas que tendem a melhorar, significativamente, a qualidade de vida da nossa população e cruciais para a construção do futuro de Balneário Camboriú”, acrescenta o vice-prefeito Carlos Humberto Metzner Silva.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





107.21.85.250

TV DIARINHO


Confira os destaques desta segunda-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 17/01/2022

Publicado 17/01/2022 21:37



Especiais

Tradição

DIARINHO: 43 anos na liderança do jornalismo regional

PREVISÕES 2022

Oráculos apostam em um ano de desafios e solidariedade

TUDO JUNTO

Itajaí Shopping une compras, serviços e lazer

COLETA SELETIVA

Navegantes, Penha e Piçarras ainda não dispõem de coleta seletiva

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Crescimento da coleta seletiva



Blogs

A bordo do esporte

Especialistas em cripto jogos apostam em projetos como o Meta Soccer para jovens investidores

Blog do JC

Ou vai ou racha?

Blog Doutor Multas

Como falar de improviso?

Blog da Ale Francoise

Conhece os benefícios para sua saúde do ILIB!?

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog do Ton

Banho Energético para a Virada de Ano

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW

Blog Clique Diário

Ilha das Cabras - Balneário Camboriú



Entrevistão

Gabriel Castanheira

"Se tiver que prender mil vezes o cara, vamos prender mil vezes. É isso que eu converso com a tropa. Tem casos de pessoas que nós prendemos mais de 40 vezes [...] Cometeu um crime? Encaminha para a delegacia.”

Rodrigo Fernandes

"Os jovens, com certeza, têm a capacidade e o potencial de mudar o resultado de uma eleição”

Érica Becker e Pedro Junger

“Já tem dados que comprovam que o ser humano está ingerindo o próprio plástico que insere nos oceanos”, Érika Becker

Ciro Gomes

"O brasileiro tá pagando agora o preço do derivado de petróleo, da gasolina, em dólar”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯