Matérias | Geral


VACINAÇÃO

Com nova remessa, 19 mil doses da Pfizer chegam à região

Doses devem ser usadas pra vacinação de adolescentes e reforço aos idosos

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Mais atrasada no estado, região também está recebendo vacinas pra segunda dose (Foto: Divulgação/Secom SC)

A região de Itajaí está recebendo quase 19 mil doses da Pfizer que devem ser usadas pra vacinação de adolescentes e na aplicação da dose de reforço pra idosos entre 80 e 84 anos. A nova remessa faz parte de uma carga de 162.630 doses recebidas pelo estado na segunda-feira e que devem chegar aos municípios no decorrer desta quarta e quinta-feira.


Segundo o diretor Estadual de Vigilância Epidemiológica, João Augusto Brancher Fuck, as cidades que ainda possuem adultos não vacinados com a primeira dose devem realizar a vacinação deste público a qualquer momento, tendo em vista que eles já foram chamados para a vacinação e devem ser priorizados.

Continua depois da publicidade



A primeira dose para os adolescentes entre 12 e 17 anos deve atender os critérios dos grupos prioritários, entre gestantes, mães de recém-nascidos, deficientes, jovens com comorbidades e privados de liberdade. Depois, a ordem seguirá pela faixa de idade. A aplicação da dose de reforço para idosos acima de 80 anos é voltada pra quem já tinha completado o esquema vacinal com duas doses ou dose única há mais de seis meses.

Itajaí começou a vacinação de adolescentes e o reforço para idosos com 85 anos ou mais na segunda-feira. O município vai receber 5556 doses da Pfizer da nova remessa, 4086 pra D1 aos adolescentes e 1467 aos idosos entre 80 e 84 anos. O atendimento ocorre nos 30 postos de saúde espalhados pelos bairros, conforme horário de cada unidade, e no Centreventos, das 8h às 17h, até se esgotarem as doses disponíveis.

A prefeitura segue vacinando a população adulta em geral que ainda não recebeu a primeira dose, com atendimento nos postos e no Centreventos. Conforme dados do ministério da Saúde, Itajaí está com 95% dos adultos vacinados ao menos com a primeira dose. Balanço até sexta-feira mostrava que a cidade tem mais 158 mil pessoas atendidas com uma dose da vacina, cerca de 70% da população, e 65.815 totalmente imunizadas, quase 30% da população. 

Outras cidades

Continua depois da publicidade



Em Balneário, a prefeitura recebe 4152 novas doses da Pfizer, 2304 pra vacinação de adolescentes e 1846 pra idosos acima de 80 anos. A D1 aos menores de idade e o reforço pra idosos acima de 85 anos começaram a ser feitos no sábado passado. A cidade já vacinou 88% da população adulta com a D1. Até segunda-feira, eram 100.759 pessoas atendidas com a primeira dose, 52.083 com a segunda dose e 4800 com a dose única, representando 47% da população totalmente imunizada.

Entre os idosos, 116 doses de reforço tinham sido aplicadas até segunda-feira em Balneário. As doses entregues nessa semana vão atender novos grupos de idosos e de adolescentes. O atendimento ocorre na unidade Saúde Central, no drive-thru do colégio Ivo Silveira e nos demais postos de saúde. Os adultos que ainda não receberam a primeira dose também devem procurar as unidades.

Em Penha, a vacinação de adolescentes começou na segunda-feira. A cidade vai receber 864 novas doses, sendo 550 para a primeira dose dos adolescentes e 311 pra o reforço aos idosos. Em Camboriú, a vacinação de adolescentes começou na semana passada, e o reforço de idosos acima de 85 anos será a partir desta terça-feira. A prefeitura está recebendo 2016 doses pra avançar nesses grupos.

Em Navegantes, o atendimento aos adolescentes começa nesta terça-feira, seguindo os grupos prioritários com comorbidades. A aplicação ocorre no posto de Saúde Central e nos postinhos do São Domingos 2, Meia Praia e São Pedro. Das 1848 doses pra D1 da Pfizer que a cidade vai receber, 1553 são pra atender os adolescentes.

Região é a mais atrasada na D2

Além da entrega de doses para os adolescentes, o estado também encaminha aos municípios uma nova remessa de 214.320 doses para aplicação da D2, sendo 86.580 da Pfizer, 55.150 da Coronavac e 72.590 da AstraZeneca. As vacinas são exclusivamente pra aplicação da segunda dose e chegarão às prefeituras até quinta-feira.

Conforme monitoramento do Instituto Federal Catarinense (IFC) de Camboriú, 66% da população da Amfri já foi vacinada com a primeira dose da vacina. No estado, o índice é de 68%. A região é a mais atrasada na aplicação da segunda dose, com taxa de 28% de cobertura da população até segunda-feira. No estado, a cobertura é de 35% com a D2 ou dose única.

Entre as cidades da Amfri, Balneário Camboriú, Piçarras e Porto Belo seguem entre as mais avançadas na aplicação da D1, segundo o IFC, com taxas acima de 68% da população. Navegantes aparece como a cidade mais atrasada, com 61%. Na aplicação da D2, Balneário é a mais avançada, com 38% da população atendida, acima da média estadual, de 35%.

 



Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.233.242.204

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quinta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 23/09/2021

Publicado 23/09/2021 20:50



Especiais

AMPLIAÇÃO

Portonave projeta investimentos de mais R$ 500 milhões

NAVEGANTES

Atividade portuária consolida a economia

SANTA CATARINA

Navegantes tem o segundo maior aeroporto do estado

NAVEGANTES

Cluster da construção naval é aqui

MERCADO

Navship volta a contratar



Blogs

Blog do JC

Linguagem neutra

A bordo do esporte

Fãs disputam em leilão itens históricos e raridades da Stock Car para Instituto Ingo Hoffmann

Blog do Ton

Chefs Bruno Faro e Willian Vieira comandam noite gastronômica nesta quinta-feira no Quatro7, em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Remédio natural para picada

Blog Doutor Multas

Financiamento e refinanciamento de veículo: afinal, é a mesma coisa?

Blog Clique Diário

O Auditório de Tenerife

Blog da Jackie

CasaCor Santa Catarina

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Ana Tereza Canziani Pereira Boschi

"O Implanon é tecnologia de ponta, e a gente vai oferecê-lo para as mulheres de Itajaí”

Ana Paula Bastos Cardoso

“O luto tem que ser encarado como uma forma natural da vida”

Fábio da Veiga

"Todos os players do mercado são favoráveis a esse modelo de gestão Landlord”

Francisco Graciola

"O patrimônio é o cliente”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯