Matérias | Geral


Itajaí

MP entende que live censurada não fere à lei

Promotor não viu alusão ou apologia à pedofilia no projeto "Criança Viada Show

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Prefeitura não informou se vai liberar evento (foto: arquivo)

O promotor Diego Rodrigo Pinheiro, da  Vara da Infância e  da Juventude  de Itajaí, arquivou o procedimento chamado “Notícia de Fato” instaurado para checar as denúncias sobre a live “Criança Viada Show” que supostamente faria “apologia à pedofilia” e apresentaria "conteúdos de ordem sexual para crianças".  A live foi censurada pelo prefeito Volnei Morastoni (MDB), no dia 14 de maio, após uma denúncia do Conselho Tutelar.


A promotoria entendeu que o projeto não fere o Estatuto da Criança e do Adolescente e que as denúncias e manifestações públicas feitas em relação ao projeto ferem à liberdade de expressão ...

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






A promotoria entendeu que o projeto não fere o Estatuto da Criança e do Adolescente e que as denúncias e manifestações públicas feitas em relação ao projeto ferem à liberdade de expressão.

Continua depois da publicidade



A produção do evento aguarda um parecer da prefeitura de Itajaí autorizando a estreia do projeto. A polêmica começou por causa do nome do evento:   “Roda Bixa - Criança Viada Show”. 

“Aproveitamos cada caminhar até a liberação para promover um debate público sobre temas de urgente discussão. Seguiremos tornando públicos cada documento, seguiremos dando entrevistas e iremos até o fim. Entendemos, desde o início, que as denúncias foram feitas de maneira precipitada e preconceituosa, distorcendo os conceitos e intenções do projeto e comprometendo a reputação dos artistas e produtores envolvidos”, disse a produtora Mariana Feitosa.

O projeto, idealizado pelo ator Daniel Olivetto, organizou uma série de conteúdos através de podcasts e vídeos voltados para o público adulto.

Os programas pretendem  entrevistar artistas homossexuais que sofreram bulliyng na infância por terem comportamentos interpretados como "diferentes do padrão heterossexual". A prefeitura de Itajaí não informou se vai liberar a série que recebeu verba federal através de um convênio da Fundação Cultural de Itajaí.

Continua depois da publicidade



MPCensuradaCriançaViadaShow


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





35.170.64.36

TV DIARINHO


Itajaí completa 161 anos neste dia 15 de junho e o DIARINHO, que há 42 anos faz parte dessa história ...



Podcast

MINUTO DIARINHO 15/06/21

Publicado 15/06/2021 22:36



Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Blogs

Blog Clique Diário

Navios na city

Blog Doutor Multas

Multa do bafômetro: valor em 2021 e como recorrer

Blog do JC

Privatização do aeroporto dengo dengo

A bordo do esporte

De Alicante para Gênova, a decisão da The Ocean Race Europe

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯