Matérias | Geral


ITAJAÍ

Profissional da saúde se queixa da dificuldade para vacinação

Farmacêutica diz que já tentou agendar a vacinação e não consegue; prefeitura explica como fazer

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Secretaria está emitindo número do CNES para agilizar vacinação (Foto: Divulgação)

Uma farmacêutica que trabalha em Itajaí questiona o fato da secretaria de Saúde vacinar somente os profissionais da saúde que possuem o cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). Ela alega que é farmacêutica, trabalha com pesquisa na área da saúde e não conseguiu se imunizar contra a covid na cidade. “Eles estão vacinando somente profissionais que trabalham em estabelecimentos com CNES. Estou ficando indignada com essa situação”, diz A.M.


A farmacêutica conta que ligou diversas vezes para a diretoria de vigilância Epidemiológica, mas não conseguiu um retorno. “Tenho comprovante de trabalho da minha empresa que tem sede em São Paulo, carta informando o tipo de trabalho que exerço e CF ativo. Eles sequer consideram. Outros profissionais autônomos certamente estão passando pela mesma situação”, comenta A.

Continua depois da publicidade



A secretaria de saúde informa que os responsáveis por estabelecimentos de saúde que já possuem o CNES devem se cadastrar no site https://clinica-vacina.itajai.sc.gov.br/ e aguardar o contato da vigilância epidemiológica para agendamento da vacinação contra a covid-19.

Trabalhadores de saúde autônomos, pessoas físicas ou jurídicas devem fazer a solicitação do cadastro ao setor de regulação da secretaria pelo e-mail cnes@itajai.sc.gov.br.  “O setor responsável irá enviar uma ficha para preenchimento do trabalhador. É necessário que o documento seja enviado novamente por e-mail para conclusão da solicitação. Com o recebimento da ficha, o órgão disponibilizará ao estabelecimento um protocolo e um número que poderá ser usado para cadastro no site e agendamento da vacinação contra covid-19”, explica, através de nota, o município. O agendamento será feito pela vigilância e a aplicação ocorrerá na sala volante do centreventos.

Vacinas descartadas

Outra reclamação é com relação ao descarte de vacina. Moradora diz que no posto de saúde do bairro São Judas  há doses sendo jogadas fora, porque as pessoas agendam a aplicação e não aparecem. Depois de aberta, a vacina precisa ser usada em até 72 horas.

Continua depois da publicidade



A secretaria de Saúde diz que  a denúncia não procede. A vigilância afirma que mantém um controle rigoroso para que as doses não sejam desperdiçadas após a abertura. Não foi informado quantas doses já foram descartadas.

Quando ocorrem falhas no agendamento, os profissionais aplicam as doses em pessoas dos grupos prioritários que estão sendo vacinadas nos postos fixos do município.

vacinacovidpandemia


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





35.170.64.36

TV DIARINHO


Itajaí completa 161 anos neste dia 15 de junho e o DIARINHO, que há 42 anos faz parte dessa história ...



Podcast

MINUTO DIARINHO 15/06/21

Publicado 15/06/2021 22:36



Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Blogs

Blog Clique Diário

Navios na city

Blog Doutor Multas

Multa do bafômetro: valor em 2021 e como recorrer

Blog do JC

Privatização do aeroporto dengo dengo

A bordo do esporte

De Alicante para Gênova, a decisão da The Ocean Race Europe

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯