Matérias | Geral


NAVEGANTES

Amigos fazem vaquinha para pagar internação

Campanha busca arrecadar R$ 8 mil pra bancar custo de clínica em Balneário

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Gabriela foi levada para uma clínica em Balneário Camboriú (Foto: Divulgação)


Familiares e amigos criaram uma vaquinha online pra ajudar na internação de Gabriela Almeida Alves de Souza, de 26 anos, moradora de Navegantes. Ela  sofre de depressão e tentou suicídio na noite de terça-feira passada, quando foi encontrada pela vizinha e a patroa já desmaiada. Os bombeiros foram chamados e levaram Gabriela para o hospital de Navegantes.


A mãe da jovem, a dona de casa Dalva Alcântara Almeida, 52 anos, informa que a filha foi levada na quinta-feira para uma clínica terapêutica de tratamento contra depressão em Balneário Camboriú. Agora, os amigos pedem a colaboração pra pagar os custos de internação. A meta é atingir R$ 8 mil. Até esta sexta-feira, cerca de 30 pessoas já tinham ajudado, com mais de R$ 1500 arrecadados. O link da campanha é vaka.me/2088272. A doação pode ser de qualquer valor.

Continua depois da publicidade



Dalva conta que a filha sofre com depressão desde os 15 anos. Gabriela já foi internada meses atrás após outra tentativa de suicídio. A jovem mora com a companheira perto da casa da mãe, no bairro São Domingos. Na terça-feira ela estava sozinha em casa e foi encontrada pela patroa, que é dona de uma empresa de contêiner e é vizinha de Gabriela. Dalva conta que foi sorte a filha ser encontrada ainda com vida.

A moça fazia acompanhamento pelo centro de Atenção Psicossocial (Caps), de Navegantes, segundo informa Dalva. “Nos últimos dias ela estava diferente. Não veio aqui em casa no dia das Mães. Na terça-feira ela não estava bem. Eu fui pro culto ainda meio incomodada”, relata. O pai de Gabriela é caminhoneiro e está na estrada, mas foi avisado da situação. Ela tem uma irmã mais velha, que mora em São Paulo. Contato com a família pode ser feito pelo telefone (47) 99965-6756, com Dalva.

Procure o CVV

Caso esteja passando por algum problema ou pensando em suicídio, ligue para o Centro de Valorização da Vida, o CVV. Os voluntários da ONG oferecem apoio emocional gratuito através de telefone, e-mail ou chat, 24 horas por dia. Uma conversa pode mudar sua vida. Para entrar em contato com o CVV, disque 188 ou acesse o site www.cvv.org.br. Em Balneário Camboriú, o município dispõe do programa Abraço à Vida para moradores da cidade. Pode  mandar mensagem via WhatsApp no telefone (47) 99982-2322. O atendimento é 24h.

Continua depois da publicidade



campanhavaquinhadoaçõessuicídiosolidariedadenavegantes


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





34.236.187.155

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quarta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 16/06/2021

Publicado 16/06/2021 20:58



Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Blogs

A bordo do esporte

Esquiva Falcão confirma luta em 28 de agosto e prevê mais um nocaute

Blog do JC

Pegou fogo na casa do povo

Blog Clique Diário

Navios na city

Blog Doutor Multas

Multa do bafômetro: valor em 2021 e como recorrer

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯