Matérias | Polícia


Invadiu com o carro

Empresária revela relacionamento abusivo

Alessandra teve a loja de beleza destruída pelo ex esta semana em Balneário

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Administradora que teve loja de beleza destruída pelo ex quer que sua história ajude outras mulheres vítimas da violência (Foto: João Batista)


A administradora Alessandra Jaques, 43 anos, ainda tenta se recuperar do que viveu na tarde da última terça-feira, em Balneário Camboriú, quando o ex-marido, A. L. S., de 33 anos, invadiu com um carro a loja da vítima, que fica na avenida Palestina, no bairro das Nações, em Balneário Camboriú. O homem foi preso em flagrante e vai responder por tentativa de feminicídio, pelo descumprimento de medida protetiva e dano ao patrimônio.


O caso ganhou repercussão nacional. Alessandra relatou ao DIARINHO que pretende que sua história sirva de alerta  para outras mulheres que sofrem com relacionamentos abusivos. Ela também está adotando medidas de segurança pra garantir a própria proteção, preocupada quando o agressor for solto. “Agora ele está com uma raiva maior. Tenho medo que saia [da prisão] e tente terminar o ‘serviço’”, desabafa.

Continua depois da publicidade



O episódio de terça-feira foi o desfecho de um relacionamento de quatro anos marcado por separações, retomadas e muitas agressões. Desde 30 de março, Alessandra rompeu definitivamente com o companheiro, após ser agredida dentro da loja.  A administradora obteve uma medida protetiva, proibindo o ex de fazer qualquer contato ou de se aproximar.

Alessandra conta que o ex vinha fazendo postagens nas redes sociais e comentários no perfil da loja com acusações e ameaças. Em abril, A. chegou a ir na loja duas vezes, mas a ex não estava. Em uma das ocasiões, Alessandra viu o ex-marido saindo do local e evitou o encontro. Ela chamou a polícia e registrou um boletim de ocorrência.

No Dia da Mães, a vítima relatou que o ex mandou mensagens com acusações contra a mãe da vítima, que mora em Itajaí e é dona da loja administrada  por Alessandra. Ela também soube que o ex-companheiro tinha terminado uma relação recente com outra mulher, e Alessandra ficou preocupada que, com o rompimento, ele voltasse a importuná-la.

A vítima acredita que o ataque sofrido na terça-feira foi planejado pelo ex-marido. Antes do episódio, ele mandou um e-mail com “uma proposta de acordo” pra que a medida protetiva e boletins de ocorrência fossem retirados. A promessa, segundo Alessandra, é que ele voltaria pro Rio de Janeiro e a deixaria  em paz.

Continua depois da publicidade



Mas a promessa durou pouco.  Ele arremessou o próprio carro contra a fachada da loja, que foi destruída na tarde da última terça-feira. Antes, ainda fez ameaças.

Alessandra estava com duas amigas. Ela se trancou no banheiro do local e ligou para a polícia Militar. Uma viatura que passava pelo local prendeu o homem em flagrante.

Relacionamento abusivo

Alessandra e A. L. S. viviam juntos desde 2017. Eles moraram um ano e meio no Peru e depois voltaram pro Rio de Janeiro, onde familiares residem.  Depois o casal se mudou pra Camboriú, num processo de reconciliação em que  “prometia mudar o comportamento”.

No fim do ano passado, Alessandra foi agredida dentro de casa. Ao ser agredida,  sofreu uma queda e bateu com a cabeça no guarda-roupa. Na ocasião, ela foi ameaçada e acabou dizendo à família e aos amigos que caiu no  banheiro.  Depois disso, a mulher se afastou do trabalho e teve um quadro de depressão. O agressor ainda tomou o lugar da vítima na administração da loja, fazendo operações  sem o seu consentimento. Houve brigas e ameaças no ambiente da loja, que antes funcionava no centro de Balneário.

A situação se arrastou até março, quando Alessandra rompeu de vez a união.

Desde que o caso foi divulgado, Alessandra  conta que tem sido procurada por outras mulheres vítimas de relacionamentos abusivos. Alessandra pretende ajudar essas mulheres para promover o empoderamento feminino.

“Sei que também demorei a denunciar, mas com minha experiência posso ajudar outras vítimas”, acredita. Alessandra pretende ficar uns dias fora até decidir onde será o novo endereço do seu comércio.

Saiba como denunciar

Nos primeiros quatro meses de 2021, até 30 de abril, a secretaria Estadual de Segurança Pública registrou 11 casos de feminicídio em Santa Catarina, apontando queda em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram 19 casos, entre 57 feminicídios registrados no ano todo.

Também houve queda nos casos de violência doméstica, com 900 registros a menos em relação ao primeiro trimestre de 2020. As ações de prevenção passam pelos serviços de atendimento, rede de proteção e canais de denúncias. Confira os principais contatos abaixo:

Polícia Militar – 190

Disque Direitos Humanos – 100

Central de Atendimento à Mulher – 180

Polícia Civil Por Elas - (48) 98844-0011 (WhatsApp e Telegram)

Guarda Municipal – 153

Grupo de Proteção à Mulher da GM Balneário: (47) 9982-2275

Programa Abraço à Mulher: (47) 99982-1906

 

Núcleo Defensoria Pública:

(47) 99987-3450 (WhatsApp) ou e-mail  atendimentoitajai@defensoria.sc.gov.br.

 

Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (Dpcami):

Em Itajaí: rua Brusque, 367. Telefone (47) 3398-6280 ou dpcamiitajai@pc.sc.gov.br

Em Balneário Camboriú: Marginal Oeste, s/n. Telefone (47) 3398-6638 ou e-mail: dpcamibalcamboriu@pc.sc.gov.br

 

Rede Catarina de Proteção à Mulher:

Disponível no celular pelo aplicativo PMSC Cidadão.

tentativafeminicidioexvitimasalaobelezabalneariomedo


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





35.170.64.36

TV DIARINHO


Itajaí completa 161 anos neste dia 15 de junho e o DIARINHO, que há 42 anos faz parte dessa história ...



Podcast

MINUTO DIARINHO 15/06/21

Publicado 15/06/2021 22:36



Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Blogs

Blog Clique Diário

Navios na city

Blog Doutor Multas

Multa do bafômetro: valor em 2021 e como recorrer

Blog do JC

Privatização do aeroporto dengo dengo

A bordo do esporte

De Alicante para Gênova, a decisão da The Ocean Race Europe

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯