Matérias | Polícia


Ruth Cardoso

DIC conclui investigação sobre invasão à UTI

Assassinato ocorreu em março de 2020. Cinco envolvidos no crime estão presos

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Floripa foi morto quando estava internado depois de um atentado (Foto: Divulgação)


A DIC encerrou essa semana a investigação sobre o assassinato de Anderson dos Santos Coelho, o popular Floripa, morto a tiros dentro do hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, em 3 de março de 2020.


A execução de Floripa começou a ser desenhada no sábado de carnaval de 2020. No dia 22 de fevereiro, ele estava em frente a uma conveniência na avenida do Estado Dalmo Vieira, quando foi ...

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






A execução de Floripa começou a ser desenhada no sábado de carnaval de 2020. No dia 22 de fevereiro, ele estava em frente a uma conveniência na avenida do Estado Dalmo Vieira, quando foi atingido por 13 disparos de pistola calibre nove milímetros.

Continua depois da publicidade



Os tiros foram disparados por dois homens, que fugiram em um veículo pilotado por um comparsa da dupla. Acreditando que Floripa estava morto, o trio foi para a praça Almirante Tamandaré festejar o carnaval.

Só que Floripa sobreviveu ao atentado. Ele foi socorrido e ficou internado na UTI do hospital Ruth Cardoso. No dia 2 de março, dois homens invadiram a UTI para tentar novamente matá-lo. Os bandidos usaram uma pistola calibre .40 para matar o desafeto.

O delegado Ícaro Malveira chegou a sete envolvidos na tentativa de morte e na execução. O mandante dos dois crimes foi descoberto e preso. “Floripa fazia parte do PGC e teve a morte decretada pelos líderes por estar querendo crescer às custas da facção”, explicou o delegado.

Os dois envolvidos na tentativa de homicídio também foram presos, assim como o motorista que ajudou na fuga dos criminosos. Uma quinta pessoa participou da tentativa de morte, mas ainda não foi identificada.

Continua depois da publicidade



Os dois homens que invadiram o hospital e mataram Floripa também foram presos. Além dos sete envolvidos, outro bandido envolvido no crime foi morto em confronto com a PM em maio de 2020. Ele teria emprestado uma das pistolas usada no crime. O inquérito foi concluído e enviado à Justiça.


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.170.171

TV DIARINHO


Vem aí: Itajaí, sua linda! Acompanhe a série de vídeos que é um presente de aniversário a Itajaí. Na ...



Podcast

Minuto DIARINHO 11/06/2021

Publicado 11/06/2021 21:26



Especiais

Números

Itajaí investe R$ 98 milhões no enfrentamento à pandemia

Compras seguras

Comércios e serviços garantem protocolos sanitários

Navegantes 

Enfrentamento à pandemia é desafio

Para não errar

Máscaras caseira, cirúrgica e N95: quando usá-las?

Análise

Vacina é solução e não milagre



Blogs

A bordo do esporte

Semana Internacional de Vela de Ilhabela 2021 está confirmada

Blog do JC

Vereador Kaká garante mais de dois milhões em emendas

Blog Doutor Multas

Recurso de multa por estacionar no acostamento

Blog Clique Diário

Exposição Itajaí em Imagens

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯