Matérias | Geral


novo decreto

Governo libera praças e praias a partir de segunda

Padarias e restaurantes voltam a funcionar das 6 da manhã às 22h

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Mudanças valem a partir do dia 26 de abril (foto: João Batista)

Um novo decreto estadual foi editado pela governadora inteirina Daniela Reinehr no final da noite de sexta-feira. Entre as principais mudanças está a autorização para as pessoas permanecerem em espaços públicos abertos, como praias, parques e praças. O novo decreto começa a valer na segunda-feira, dia 26 de abril, e vale até o dia 30 de abril.


As pessoas devem seguir os protocolos sanitários de combate à doença, como não fazer aglomeração, usar máscaras de proteção e respeitar o distanciamento social.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






As pessoas devem seguir os protocolos sanitários de combate à doença, como não fazer aglomeração, usar máscaras de proteção e respeitar o distanciamento social.

Continua depois da publicidade



Outra mudança é a permissão de funcionamento de padarias, restaurantes, bares, pizzarias, sorveterias e afins das 6h às 22h. No decreto anterior, o funcionamento era das 10h às 22h.

Segundo a governadora Daniela, o acompanhamento do cenário epidemiológico e as medidas restritivas contribuíram para que fossem feitos ajustes nas normas vigentes. Para a governadora, apesar do momento sensível provocado pela pandemia em Santa Catarina, o estado tem mostrado que as ações estão tendo efetividade.

“Sabemos que temos um longo caminho pela frente, mas não podemos deixar de lado importantes indicadores. Conseguimos diminuir o número de mortes em 33,5% e a fila de espera por leitos de UTI em 75%. Santa Catarina apresenta o 4º maior índice per capita de vacinados considerando a primeira e a segunda doses. Também houve um aumento de 75% na aplicação de doses nas últimas três semanas”, defendeu.

Comércio varejista

Continua depois da publicidade



A mudança imediata, que passou a vigorar ainda sexta-feira, é a inclusão do comércio atacadista de produtos têxteis na lista de atividades essenciais. Segundo a superintendência de Vigilância em Saúde, a medida se fez necessária por ser restrita aos produtos têxteis do ramo industrial, fundamentais para abastecer toda a cadeia de comércio varejista e para promover o escoamento da produção da indústria.

A mudança abrange estabelecimentos como shoppings de atacado. Os demais regramentos previstos no decreto 1218, que estava em vigor, foram prorrogados para 30 de abril.

GovernoPraçaLiberapraiasSegunda


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.117.38

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quarta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 23/06/2021

Publicado 23/06/2021 21:20



Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Blogs

Blog Doutor Multas

Proteção veicular pode ser opção melhor que seguro: entenda os motivos

A bordo do esporte

Designer ilustra equipe olímpica de vela no estilo mangá

Blog do JC

Sonhando com o pai Atanásio

Blog Clique Diário

Pássaros

Blog da Jackie

Fondue

Blog da Ale Francoise

Que tal um kombucha que hoje!?

Blog do Ton

Habbitat

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Vinicius Lummertz

"A grande aliança é para a retomada com saúde. São Paulo fará vacinas para o Brasil e América Latina ”

Élcio Kuhnen

“O maior ensinamento que a covid vai deixar: a ciência está muito à frente da sua opinião”

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯