Matérias | Geral


Pacientes da ala de covid do CIS dizem que tão passando fome

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Vitor Jorge Alves, 73 anos, morador do bairro Cidade Nova, em Itajaí, ficou cinco dias internado no centro Integrado de Saúde (CIS) de Itajaí, para se recuperar da infecção por covid-19. A cabeleireira Emanoella Azevedo Alves, 32, filha do aposentado, conta que a alimentação servida aos pacientes é insuficiente e de baixa qualidade nutricional - o que prejudicaria a recuperação dos contaminados pelo coronavírus. Dentro do CIS há uma ala com leitos de retaguarda para infectados pelos vírus. O aposentado ficou nesta ala e, segundo a filha Emanoella, a alimentação deixa as pessoas com fome. "Tudo improvisado. Nos cafés da manhã e à tarde são servidos meio copinho de chá, quatro bolachas de água e sal. No almoço e jantar, só sopa, sopa rala, com quase nada de proteína, quase nada de vegetais. Uma alimentação bem limitada", explica. Nos dias em que o pai ficou internado, Emanoella levou suco e frutas, após combinar com a direção do CIS sobre a entrada de comida extra na ala. O complemento na alimentação, segundo a filha, foi importante na recuperação do pai. "A pessoa já está fraca com a covid, com pouca imunidade e se alimentando assim, é muito complicado", alerta. Emanoella chegou a fazer postagens nas redes sociais no final de semana mostrando a sopa, ralinha e engordurada, servida aos pacientes, assim como o chazinho com bolachas. "Sabemos que uma pessoa adulta precisa de mais nutrientes a médio e longo prazo, ainda mais com a saúde comprometida", escreveu a cabeleireira nas redes sociais. O aposentado já ganhou alta da ala do CIS. A secretaria de Saúde de Itajaí informa que iniciou na semana passada a implantação de alimentação para pacientes em observação na UPA, do CIS. A medida é um serviço prestado além das obrigações e responsabilidades da UPA, já que só é ofertada alimentação em ambientes hospitalares. Segundo a secretaria, a oferta também faz parte da reestruturação do serviço e foi uma maneira de humanizar ainda mais o atendimento das vítimas da covid. Nos próximos dias os pacientes receberão um novo cardápio elaborado em conjunto com nutricionista. A secretaria ainda esclarece que a Vigilância Sanitária não permite a entrada de alimentos trazidos por familiares para os pacientes em isolamento devido aos riscos de contaminação.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.230.144.31

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quarta-feira





Especiais

AMPLIAÇÃO

Portonave projeta investimentos de mais R$ 500 milhões

NAVEGANTES

Atividade portuária consolida a economia

SANTA CATARINA

Navegantes tem o segundo maior aeroporto do estado

NAVEGANTES

Cluster da construção naval é aqui

MERCADO

Navship volta a contratar



Blogs

Blog Doutor Multas

Financiamento e refinanciamento de veículo: afinal, é a mesma coisa?

Blog do Ton

Confraria da Cozinha confirma dois novos eventos gastronômicos em Floripa

Blog do JC

Irmão Maier chegou

A bordo do esporte

Vela mundial perde o diretor de regatas Jack Loyd

Blog da Ale Francoise

Você conhece os benefícios do cravo?

Blog Clique Diário

O Auditório de Tenerife

Blog da Jackie

CasaCor Santa Catarina

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Ana Paula Bastos Cardoso

“O luto tem que ser encarado como uma forma natural da vida”

Fábio da Veiga

"Todos os players do mercado são favoráveis a esse modelo de gestão Landlord”

Francisco Graciola

"O patrimônio é o cliente”

Jorginho Mello

“Eu tenho o compromisso do presidente: se eu for disputar a eleição para governador, tenho o apoio dele”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯