Matérias | Polícia


Marido de vereadora é acusado de agressão

Confusão teria iniciado porque “Ninja” estaria incomodado com o cheiro de maconha

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]



As imagens que registram o empresário Juliano Ninja, 43 anos, marido da vereadora Juliethe Nitz (PL), imobilizando um jovem de 26 anos, repercutiram nas redes sociais ontem. Juliano aparece na filmagem imobilizando o homem na orla da praia Central, em Balneário Camboriú. Ele chega a ser agredido por uma mulher, que seria a irmã do cara imobilizado. As três pessoas foram levadas à delegacia logo depois da cena.


A agressão aconteceu na avenida Atlântica, na altura da rua 3500, por volta das 17h30 de terça-feira. O rapaz imobilizado gritava bastante, mostram as imagens do vídeo que circula nas redes.

Continua depois da publicidade



Um guarda-vidas afastou  a irmã da vítima e chamou a GM. A irmã do homem parecia desesperada. “Solta ele, solta ele”, gritava a mulher.

Com a chegada da guarda Municipal, os três foram pra delegacia. O rapaz e a moça, que seriam irmãos, teriam alegado que sofreram injúria por parte de Juliano, que teria chamado o rapaz de “negão” e a mulher de “sapatona”.

Ouvido pelo DIARINHO, Juliano Ninja negou qualquer injúria e disse que “não se importa com a cor de pele das pessoas ou com quem elas se deitam”.

Juliano, que é lutador de MMA, diz que a confusão começou porque ele estaria fazendo um treino na praia e se incomodou com o cheiro de maconha. Segundo Juliano, os dois irmãos estariam fumando maconha. “Eu pedi pra ele apagar o baseado, e ele começou a falar um monte de besteiras. Ele e a irmã atravessaram a rua, foram embora, mas depois voltaram e ficaram me provocando, me chamando de bicha, viadinho…”, alega.

Continua depois da publicidade



Juliano diz que foi agredido primeiro. “Ele veio pra cima de mim, pra porrada. Só que ele é lutador e usuário de drogas, e apanhou de um cara mais velho, um pai de família…”, continua o marido da vereadora.

O rapaz de 26 anos ficou com marcas de mordidas no braço, mas Juliano não confirma se mordeu mesmo o cara.

Ninja, contudo, confirma que teve uma postura agressiva. “Vamos nos tornar reféns dessa imoralidade?! Eu sempre serei violento e agressivo pra defender a minha família e os bons costumes”, justificou à reportagem.

O comandante da guarda Municipal, Douglas Ferraz, confirmou que os três envolvidos foram parar na delegacia, mas garante que não foi confirmado se os irmãos usavam drogas na praia ou se foram xingados por Juliano Ninja.

Os três assinaram um termo circunstanciado e foram liberados da delegacia.

O comandante da GM afirma que a abordagem e a condução dos envolvidos foram conforme o procedimento padrão da GM. Juliano é conhecido da guarda Municipal de Balneário e já prestou serviços voluntários à corporação por um ano. O DIARINHO não conseguiu localizar os irmãos que supostamente foram agredidos por Juliano.



Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.233.242.204

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quinta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 23/09/2021

Publicado 23/09/2021 20:50



Especiais

AMPLIAÇÃO

Portonave projeta investimentos de mais R$ 500 milhões

NAVEGANTES

Atividade portuária consolida a economia

SANTA CATARINA

Navegantes tem o segundo maior aeroporto do estado

NAVEGANTES

Cluster da construção naval é aqui

MERCADO

Navship volta a contratar



Blogs

Blog do JC

Linguagem neutra

A bordo do esporte

Fãs disputam em leilão itens históricos e raridades da Stock Car para Instituto Ingo Hoffmann

Blog do Ton

Chefs Bruno Faro e Willian Vieira comandam noite gastronômica nesta quinta-feira no Quatro7, em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Remédio natural para picada

Blog Doutor Multas

Financiamento e refinanciamento de veículo: afinal, é a mesma coisa?

Blog Clique Diário

O Auditório de Tenerife

Blog da Jackie

CasaCor Santa Catarina

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Ana Tereza Canziani Pereira Boschi

"O Implanon é tecnologia de ponta, e a gente vai oferecê-lo para as mulheres de Itajaí”

Ana Paula Bastos Cardoso

“O luto tem que ser encarado como uma forma natural da vida”

Fábio da Veiga

"Todos os players do mercado são favoráveis a esse modelo de gestão Landlord”

Francisco Graciola

"O patrimônio é o cliente”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯