Matérias | Geral


Federação dos municípios faz parceria com instituto Butantan pra compra da coronavac aos catarinenses

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A federação Catarinense de Municípios (Fecam) assina nesta quinta-feira um protocolo de intenções com o instituto Butantan para a compra da Coronavac. A vacina contra a covid-19 está sendo desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, com parceria no Brasil com o instituto paulista, e ainda aguarda aprovação da agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). De acordo com a Fecam, o protocolo de intenções formaliza o interesse dos municípios catarinenses em adquirir a vacina, tão logo ela seja aprovada. As primeiras doses da Coronavac fabricadas na China já chegaram a São Paulo, onde o governo estadual anunciou o plano de vacinação a partir de 25 de janeiro. O governo paulista ainda espera a conclusão dos testes no Brasil, prevista pra semana que vem, para pedir o registro da vacina à Anvisa. O acordo do instituto Butantan com a empresa chinesa prevê a compra de 46 milhões de doses da Coronavac e a transferência de tecnologia pra que o órgão possa produzir a vacina no país. A vacina já está sendo aplicada na China de forma emergencial. Outros dois países também anunciaram a compra do produto, Indonésia e Turquia, prevendo começar a imunização ainda nesse mês. Em Santa Catarina, a Fecam estima que a vacinação possa estar disponível no estado ainda no primeiro semestre de 2021. "Em cenário de incerteza sobre o Plano Nacional de Imunização, em meados de novembro nós agilizamos e tratamos de sinalizar que os municípios desejam o acesso a vacina", disse o presidente da Fecam e prefeito de Rodeio, Paulo Roberto Weiss (PT). Uma comitiva da federação, com diretores da entidade, prefeitos e deputados, também vai conhecer o complexo do Butantan nesta quinta-feira. A programação ainda prevê visita ao comitê de enfrentamento da covid de São Paulo, na sede do governo paulista. A parceria da Fecam com o instituto foi negociada pelo secretário de Turismo de São Paulo, Vinicius Lummertz, que é de Santa Catarina. "Nós só temos que aplaudir a agilidade da Fecam para a obtenção da vacina por meio do Instituto Butantan, sem se deter, em momento algum, a questões que saiam do âmbito da ciência. Isto permitirá aos municípios uma opção a mais, com o intuito de salvar vidas e minimizar a letalidade da covid", comentou o secretário. Profissionais de saúde deverão ter prioridade Após a assinatura do protocolo de intenção de compra, a Fecam vai discutir questões de prazos, preços e quantidade de doses. A previsão é que as prefeituras comprem diretamente a vacina do instituto ou que o estado possa assumir a compra e distribuir aos municípios. Segundo o presidente da Fecam, a vacina pode chegar até antes do segundo semestre, atendendo inicialmente grupos prioritários. Nessa primeira etapa, a negociação é que eu ao menos 50 mil doses sejam fornecidas pro pessoal da saúde do estado. Em São Paulo, o cronograma prevê começar a imunização pelos profissionais de saúde, idosos, indígenas e quilombolas. A imunização com a Coronavac deverá ser em duas doses, com intervalo de 21 dias entre as aplicações. Cada dose tem valor estimado em R$ 60. Para vacinar toda a população catarinense, o custo ficaria em torno de R$ 860 milhões. O governo do estado tem ao menos R$ 200 milhões já reservados para bancar vacinas contra a covid-19. A secretaria estadual de Saúde ainda não se manifestou se apoia a iniciativa da Fecam pra aquisição da vacina pelo instituto Butantan. No fim de novembro, o governador Carlos Moises (PSL) deu a entender que deve esperar pela vacina inglesa negociada pelo governo federal, em testes pela universidade Oxford e pelo laboratório AstraZeneca, e que será preciso o aval do governo federal pra compra de outra vacina. O entendimento do presidente da Fecam é que o ministério da Saúde não tem um plano de imunização contra a covid definido e que a vacina federal “vai demorar um bom tempo para acontecer”, sendo necessário estudar outras parcerias pra vacina chegar antes no estado catarinense.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.238.95.208

TV DIARINHO


Confira os destaques desta sexta-feira





Especiais

AMPLIAÇÃO

Portonave projeta investimentos de mais R$ 500 milhões

NAVEGANTES

Atividade portuária consolida a economia

SANTA CATARINA

Navegantes tem o segundo maior aeroporto do estado

NAVEGANTES

Cluster da construção naval é aqui

MERCADO

Navship volta a contratar



Blogs

A bordo do esporte

Campeão Mundial e Pan-Americano de Snipe treina filha de 14 anos para versão feminina

Blog do JC

Bolsa Estudante

Blog do Ton

Chefs Bruno Faro e Willian Vieira comandam noite gastronômica nesta quinta-feira no Quatro7, em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Remédio natural para picada

Blog Doutor Multas

Financiamento e refinanciamento de veículo: afinal, é a mesma coisa?

Blog Clique Diário

O Auditório de Tenerife

Blog da Jackie

CasaCor Santa Catarina

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Ana Tereza Canziani Pereira Boschi

"O Implanon é tecnologia de ponta, e a gente vai oferecê-lo para as mulheres de Itajaí”

Ana Paula Bastos Cardoso

“O luto tem que ser encarado como uma forma natural da vida”

Fábio da Veiga

"Todos os players do mercado são favoráveis a esse modelo de gestão Landlord”

Francisco Graciola

"O patrimônio é o cliente”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯