Matérias | Esporte


Itajaí

Diretoria do clube diz que negociação com Fábio Costa é boato

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

O torcedor marcilista demonstra empolgação na internet com a his­tória da possível vinda do goleiro Fábio Costa pro Gigantão das Ave­nidas. Mas, segundo a diretoria, é tudo boato. O diretor de futebol do Marinheiro, Wagner Lúcio de Sou­za, negou ontem que haja interesse do Cílio pelo polêmico goleiro que pertence ao Santos.


 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






“Quem espalhou isso não sei por que fez. Não há nenhuma possibi­lidade”, afirmou o cartola. Fábio Costa tem contrato com Santos até o final de 2013, mas o Peixe não quer o goleiro. Ele tá emprestado pro Galo até o final deste ano, mas está afastado da equipe. Há 10 me­ses, o goleiro tá sem jogar e afasta­do do elenco dos dois times. Mes­mo assim, segue recebendo seus R$ 155 mil por mês.

Continua depois da publicidade



Fábio Costa começou a carreira no Vitória em 1997. Se destacou no clube baiano e chegou no San­tos em 2000, onde ficou até o fi­nal de 2003 e foi campeão brazuca em 2002, na equipe de Robinho e Diego. Depois foi pro Corinthians, onde levou mais um título de Bra­sileirão em 2005. O goleiro também já passou pela seleção e é conheci­do pelo temperamento explosivo e confusões.

Outro boato que tá rolando é que as negociações do Rubro-anil esta­riam adiantadas com outro ex-san­tista, o zagueiro Ávalos, também negado por Wagner. “No começo da montagem do grupo o nome dele foi citado. Houve uma sonda­gem só, nem chegamos a entrar em contato”, garante o diretor. Ávalos foi campeão brazuca pelo Santos em 2004 e estava no Vilavelhense, do Espírito Santo.

Falta pouco

Boatos (ou não) à parte, a direto­ria do Marinheiro segue trampan­do na montagem do elenco. Mais quatro ou cinco boleiros devem ser contratados ainda esse mês pra se juntar aos 10 atletas que já tão treinando. “Não vamos fechar o grupo, ele vai ficar aberto. Mas pra este momento devemos contratar só mais quatro ou cinco jogadores. Queremos ter isso definido até o dia 20”, conta Wagner. A intenção é trazer um goleiro, um zagueiro, um ou dois laterais-direitos, e um meia.

Continua depois da publicidade



Viagem marcada

Apesar dos treinos pro campeo­nato Catarinense de 2012 já estarem rolando, a comissão técnica vai so­frer um desfalque. O técnico Paulo Jamelli tá com viagem marcada pro Japão. Jamelli vai ser homenage­ado por seu ex-clube, o Kashima Reysol. Na viagem, o treinador vai aproveitar e dar uma olhada tam­bém no campeonato Mundial de Clubes. O treinador zarpa no dia 11 e volta no dia 20 deste mês.

Wagner jura dipé junto que os nove dias sem o treinador não vão atrapalhar a preparação marcilista. “Não vai atrapalhar e o time não vai ficar parado. Vamos trabalhar”, diz o cartola. Sem a presença de Ja­melli, a equipe vai trampar a parte física e a técnica, que vai ser co­mandada pelo auxiliar Coronel Pi­menta.


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





18.206.238.77

TV DIARINHO


Entrevistão com Heli Schlickmann - Técnico Agrícola e Gestor ambiental



Podcast

Minuto DIARINHO 14/05/2021

Publicado 14/05/2021 20:29



Blogs

Blog do JC

Morre Bruno Covas

Blog Doutor Multas

Cadastro do Bom Motorista: o que é e como fazer o seu?

A bordo do esporte

Team Childhood vence etapa prólogo da The Ocean Race Europa

Blog Clique Diário

A Ilha de Pedra

Blog do Ton

Maior importadora de móveis do Brasil abre a primeira loja própria em Santa Catarina

Blog da Ale Francoise

Ervas do bem para o estresse!

Blog da Jackie

Hering comprou a Arezzo

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”

Volnei Morastoni

"Estamos vivendo a politização da covid”

Marcelo werner

"Quando o Estado publica um decreto às 11 horas da noite para que no dia seguinte seja cumprido, está faltando sintonia com a sociedade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯