Matérias | Geral


Itajaí

Marinha vai aumentar a fiscalização nas praias da região

Operação só começa no dia 17, mas capitania dos Portos se prepara pro bizu

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Cerca de 100 quilômetros de costa e 182 cidades. Este é o tamanho da missão da delegacia da capitania dos Portos de Itajaí pra operação Verão 2012, que começa no dia 17 e segue até 15 março. Pra fiscalizar praias, lagoas e rios, a Marinha terá um efetivo de apenas 48 militares, quatro lanchas e dois helicópteros. Com esta estrutura, a Marinha terá que cuidar da segurança de banhistas e das embarcações de veraneio. Pra quem tem barco e está com a documentação em dia, a fiscalização reforçada acaba sendo um alívio e a garantia de lazer com segurança.


 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






O delegado da Capitania dos Portos, Fernando Anselmo Sampaio Mattos, explica como vai funcionar a fiscalização nas praias da região, que terá novidades este ano. “Vamos dobrar a fiscalização de pequenas embarcações de lazer na costa. Teremos na operação Verão 2011/2012 lanchas fixas em vários pontos das praias da região, como Porto Belo, Penha, Balneário Camboriú, e uma no Oeste do estado”, conta o capitão. Além disso, dois helicópteros de salvamento farão rondas e também podem ajudar a detectar alguma infração no mar. Cada unidade ainda terá um bafômetro pra checar se houve excesso de bebida alcoólica. “Esse foi nosso principal problema no ano passado e esperamos coibir esse tipo de ocorrência”, conta o capitão.

Continua depois da publicidade



Se pra algumas pessoas a fiscalização pode ser ruim, pra quem está com toda documentação regularizada e quer apenas se divertir no mar, mas com segurança, o reforço na fiscalização é muito bem-vindo. “Regularizar a situação de um barco é barato, custa R$ 17 por ano, então só não faz quem não quer. É bom que haja fiscalização redobrada, até para garantir a segurança de quem cumpre com todas as regras”, comemora Roberto Onofre, 32 anos, empresário peixeiro, que tem uma lancha em Porto Belo.

Cachaça é um perigo

No ano passado, o principal responsável pelas 19 autuações na costa da região foi a danada da cachaça. No mar, a regra é bem parecida com a das estradas, e no ano passado foram feitas 943 inspeções e uma embarcação de veraneio foi apreendida. “No ano passado, tivemos apenas cinco acidentes, com nenhuma vítima fatal e espero que continue assim”, lembra o mandachuva. A cartilha que rege as regras do mar é chamada de Regulamento Internacional para Evitar Abalroamento no Mar (Ripeam). Nele, estão todas as orientações pra uma navegação segura e tranquila.

Dicas de segurança

Continua depois da publicidade



1 Respeitar o limite de 200 metros da costa

2 Necessária a documentação do barco e do piloto em dia

3 O piloto não pode ter ingerido bebida alcoólica

4 Manter uma distância segura de outras embarcações

5 Os banhistas não devem se afastar mais de 200 metros da costa


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.231.61

Últimas notícias

INVERNO

Rede Sustentável de Entidades promove Campanha do Agasalho em Penha

Camboriú, Penha e Bombinhas

Campanha Zera Dívida segue com descontos de até 70% na fatura de água

Flagra

Mercadorias para camelôs, avaliadas em R$ 50 milhões, são aprendidas

NAVEGANTES

Bandido é morto roubando o banco Sicoob

BALNEÁRIO

Clientes levam surra por esquecer de pagar dois chopes em bar

Quinta e domingo

Definidas as datas das finais do Paulistão

Balneário Camboriú 

PA da Barra volta a funcionar após reformas

Imbituba

Casal é preso com mais de 200 quilos de maconha

Morte no hotel  

MC Kevin teria tentado pular na piscina 

CAMBORIÚ

Filha de ex-prefeita é internada na UTI



Colunistas

Coluna do JC

Show de horrores

Coluna Esplanada

Urna inauditável!?

Coluna Exitus na Política

Qual o nome que o nome tem?

Canal 1

“Salve-se Quem Puder,” gravada na pandemia, estreia hoje sua última fase

Coluna Animal Humano

Cidade que te quero verde

Via Streaming

“Mais Uma Rodada”

Coluna do Ton

Coluna do Ton

Clique diário

Cabeçudas

Coluna Fato&Comentário

CULTOS AFRICANOS EM ITAJAÍ: RESISTIR E SOBREVIVER

Espaço InovAmfri

Faça chuva ou faça sol

Coluna do Frei Betto

Resta-me humanidade?

Coluna Tema Livre

“Tudo Bandido”

Coluna do Janio

Semifinal marcada

Jackie Rosa

Às mamães com carinho

Na Rede

Na Rede

Coluna Existir e Resistir

Direito invisível

Artigos

Livros embarcados

Coluna Adjori SC

Economia de Santa Catarina inicia 2021 com confiança e expectativa em alta



TV DIARINHO


Entrevistão com Heli Schlickmann - Técnico Agrícola e Gestor ambiental



Podcast

Minuto DIARINHO 14/05/2021

Publicado 14/05/2021 20:29



Blogs

Blog do JC

Quer tudo?

A bordo do esporte

The Ocean Race e TIME firmam parceria

Blog Doutor Multas

Cadastro do Bom Motorista: o que é e como fazer o seu?

Blog Clique Diário

A Ilha de Pedra

Blog do Ton

Maior importadora de móveis do Brasil abre a primeira loja própria em Santa Catarina

Blog da Ale Francoise

Ervas do bem para o estresse!

Blog da Jackie

Hering comprou a Arezzo

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”

Volnei Morastoni

"Estamos vivendo a politização da covid”

Marcelo werner

"Quando o Estado publica um decreto às 11 horas da noite para que no dia seguinte seja cumprido, está faltando sintonia com a sociedade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯