Matérias | Polícia


Itajaí

Guria aparece em Tijucas e diz que foi sequestrada

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Tiras da polícia Civil de Tijucas quebram a cabeça pra desvendar o mistério em torno do aparecimento de uma adolescente de 17 anos, que é moradora do Mato Grosso do Sul. Ela afirmou que foi tirada de casa por dois caras que a obrigaram a viajar a contragosto. Disse que conseguiu siscapar e chegou de carona à rodoviária da city.


 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






No finalzinho da tarde de terça-feira, S.C.M. apareceu na rodoviária de Tijucas pedindo ajuda pra quem passava por lá. Telefonou pra polícia Militar e disse que tinha sido sequestrada. Pros homidalei, a aborrescente contou que a treta rolou na tarde de segunda-feira.

Continua depois da publicidade



Pela história da menina, ela estava sozinha na casa de uma amiga em Aquidauana, no Mato Grosso do Sul, quando dois homens apareceram e se identificaram como agentes de saúde. Quando abriu a porta, teria sido rendida.

Sem passar detalhes, a garota contou que a dupla apontou um trabuco pra sua cachola, amarraram suas mãos e pés e colocaram dentro de um Fiat Uno prata. A adolescente jura de pés juntos que não conhecia os supostos sequetradores. Enquanto rodavam com a moça, os homens teriam dito pra ela que seguiam caminho pro Paraguai, mas que antes passariam por Santa Catarina para pegar mais duas meninas.

A adolescente contou aos fardados que só se livrou quando chegaram no posto de pedágio, em Porto Belo, na tarde de terça-feira. Ela não explica como se soltou das amarras e simandou do possante sem que os supostos sequestradores notassem a fuga. Ela conseguiu uma carona até a rodô de Tijucas, onde chamou a PM.

S. foi atendida pelo conselho tutelar da city. Os conselheiros agora tão procurando os responsáveis pela garota. Ela não soube informar nenhum telefone dos familiares.

Continua depois da publicidade



Depês não têm registro

Pra delegada Daniela Martins de Souza, apesar do relato da menina, o sequestro não se confirmou. A dotora contou que a guria estava bem, sem nenhum machucado pelo corpo e aparentava estar calma. “Não podemos falar nada, pois ainda não temos informações certas de nada que ela está contando”, afirmou a delegada.

A dotora vai entrar em contato com a delegacia da city do Mato Grosso do Sul pra se informar se há algum registro de desaparecimento por lá. O DIARINHO ligou pras depês de Aquidaruana, procurou na internet e nas redes sociais, mas não encontrou registros com o nome da moça.

 


Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.231.61

Últimas notícias

INVERNO

Rede Sustentável de Entidades promove Campanha do Agasalho em Penha

Camboriú, Penha e Bombinhas

Campanha Zera Dívida segue com descontos de até 70% na fatura de água

Flagra

Mercadorias para camelôs, avaliadas em R$ 50 milhões, são aprendidas

NAVEGANTES

Bandido é morto roubando o banco Sicoob

BALNEÁRIO

Clientes levam surra por esquecer de pagar dois chopes em bar

Quinta e domingo

Definidas as datas das finais do Paulistão

Balneário Camboriú 

PA da Barra volta a funcionar após reformas

Imbituba

Casal é preso com mais de 200 quilos de maconha

Morte no hotel  

MC Kevin teria tentado pular na piscina 

CAMBORIÚ

Filha de ex-prefeita é internada na UTI



Colunistas

Coluna do JC

Show de horrores

Coluna Esplanada

Urna inauditável!?

Coluna Exitus na Política

Qual o nome que o nome tem?

Canal 1

“Salve-se Quem Puder,” gravada na pandemia, estreia hoje sua última fase

Coluna Animal Humano

Cidade que te quero verde

Via Streaming

“Mais Uma Rodada”

Coluna do Ton

Coluna do Ton

Clique diário

Cabeçudas

Coluna Fato&Comentário

CULTOS AFRICANOS EM ITAJAÍ: RESISTIR E SOBREVIVER

Espaço InovAmfri

Faça chuva ou faça sol

Coluna do Frei Betto

Resta-me humanidade?

Coluna Tema Livre

“Tudo Bandido”

Coluna do Janio

Semifinal marcada

Jackie Rosa

Às mamães com carinho

Na Rede

Na Rede

Coluna Existir e Resistir

Direito invisível

Artigos

Livros embarcados

Coluna Adjori SC

Economia de Santa Catarina inicia 2021 com confiança e expectativa em alta



TV DIARINHO


Entrevistão com Heli Schlickmann - Técnico Agrícola e Gestor ambiental



Podcast

Minuto DIARINHO 14/05/2021

Publicado 14/05/2021 20:29



Blogs

Blog do JC

Quer tudo?

A bordo do esporte

The Ocean Race e TIME firmam parceria

Blog Doutor Multas

Cadastro do Bom Motorista: o que é e como fazer o seu?

Blog Clique Diário

A Ilha de Pedra

Blog do Ton

Maior importadora de móveis do Brasil abre a primeira loja própria em Santa Catarina

Blog da Ale Francoise

Ervas do bem para o estresse!

Blog da Jackie

Hering comprou a Arezzo

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Heli Schlickmann

" Nas cidades arborizadas as pessoas são mais felizes”

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”

Volnei Morastoni

"Estamos vivendo a politização da covid”

Marcelo werner

"Quando o Estado publica um decreto às 11 horas da noite para que no dia seguinte seja cumprido, está faltando sintonia com a sociedade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯