Matérias | Esporte


Itajaí

Handebol brazuca terá 38 competições

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A organização do Bellator, segundo maior evento de MMA (antigo vale-tudo) do mundo, confirmou na quarta-feira os lutadores da sexta edição do torneio dos pesos leves. O lutador da Maravilha do Atlântico, Ricardo Tirloni, será o representante brazuca ao lado de Patricky Pitbull. Também foram anunciados dois lutadores dos Isteites: Brent Weedman e Rick Hawn. A competição começa em março de 2012.


 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






Ao contrário do UFC (Ultimate Fighting Championship), maior competição da modalidade, e outros eventos, a disputa dos pesos leves do Bellator é realmente um torneio. “São três lutas pra ser campeão, mas são lutas eliminatórias, perdeu cai fora. Em março acontecem as quartas de final e a final deve acontecer no final de julho. É o maior torneio de lutas do mundo”, garante o catarina.

Continua depois da publicidade



Em sua estreia no Bellator, no dia 22 de outubro deste ano, Tirloni venceu por finalização o atleta da casa, Steve Gable. Por causa de uma lesão na costela, o atleta do Balneário ficou difora da edição de novembro do Bellator, mas o problema não preocupa mais. “A costela já tá 100%, não incomoda mais não, não tô sentindo nenhuma dor”, afirma o lutador.

Tirloni treina todos os dias em Floripa na academia Ataque Duplo com seu parceiro de treinos Thiago Tavares e duas vezes por semana na Maravilha do Atlântico. “Não parei de treinar nenhum dia nesse final de ano. Dia 10 vou pros Estados Unidos, tem pesagem. Vou treinar lá também. Dia 16 eu volto e intensifico meus treinos”, conta.

A presença de gente como Brent Weedman, Rick Hawn e lutadores de todos os cantos do mundo não intimida o representante do Balneário. “Tô bem confiante. Achei estranho, os nomes confirmados são de lutadores de categorias mais pesadas que desceram pro peso leve. Mas também sou pesado pra categoria, então não tem problema. Tô bem focado pra tentar o título”, lasca, demonstrando confiança. A confiança vem do seu cartel: são 14 vitórias e apenas uma derrota, sendo 11 vitórias seguidas. Das 14 vitórias, 12 foram por finalização ou nocaute.

Suas vitórias e o fato de só ter dois brazucas contra tantos gringos no torneio, são alguns dos argumentos que o lutador tem usado pra conseguir um patrocinador fixo. Hoje Tirloni conta apenas com alguns colaboradores como lojas de suplementos, de artigos esportivos e até um posto de gasolina.

Continua depois da publicidade




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.238.206.122

TV DIARINHO


Confira os destaques desta terça-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 20/04/2021

Publicado 20/04/2021 21:32



Blogs

Blog da Jackie

Novidadeiras

Blog do JC

Aditivo

Blog da Ale Francoise

Fortificante Natural de Uva!

Blog Clique Diário

Primeira Foto do voo inaugural do helicóptero Ingenuity Mars da NASA

Blog Doutor Multas

CNH Bloqueada? Veja o que fazer para regularizar

A bordo do esporte

Tradicional regata Rolex Capri Napoli confirmada em maio

Blog do Ton

Terrazza Praia Brava

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Volnei Morastoni

"Estamos vivendo a politização da covid”

Marcelo werner

"Quando o Estado publica um decreto às 11 horas da noite para que no dia seguinte seja cumprido, está faltando sintonia com a sociedade”

Marquinhos Kurtz

“[...} O meu posicionamento é contrário ao fechamento total. Eu acho que nós temos que trabalhar, nós temos que ter cuidado, e as coisas precisam funcionar”

Fabrício Oliveira

"Se nós tivéssemos leitos hospitalares nós não estaríamos discutindo lockdown'



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯