Matérias | Geral


Itajaí

Vereador breca doação de terreno de mercadão pros bombeiros

Claudir Maciel diz que doação tava estranha, já que em contrapartida prefa iria permitir uma construção que contraria o Plano Diretor

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Não foi dessa vez que os bombeiros militares de Balneário Camboriú conseguiram um terreno pra construção da nova sede do quartel. O projeto pra doação de um local pra corporação, que tramitava na câmara de vereadores, foi parado em segunda votação. O vereador de oposição, Claudir Maciel (PSD), sentiu cheiro de algo errado no ar e pediu vistas. Com o recesso de final de ano, o assunto só volta à pauta em fevereiro do ano que vem. Até lá, explica o comandante dos bombeiros, eles terão um preju de R$ 20 mil e um atraso de, no mínimo, 90 dias pra construção do novo quartel.


 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






O terreno de 2200m2 fica de frente pra avenida do Estado Dalmo Vieira, na esquina com a rua 904. O terreno é do supermercado Imperatriz, que se propôs a doar a aárea à prefeitura. O município, por sua vez, vai repassá-lo aos bombeiros, que hoje trampam num lugar alugado. O secretário de Planejamento, Auri Pavoni, explica que a prefa ficou três meses discutindo o assunto com o conselho das Cidades pra que eles aprovassem a ideia.

Continua depois da publicidade



O projeto já tinha sido aprovado em primeira votação na casa do povo, mas Claudir pediu vistas quando o assunto voltou à discussão em segunda votação. O parlamentar disse que adiou a votação porque reparou que tem algo errado no projeto. “Quando a esmola é demais, o santo desconfia”, lascou.

Segundo o vereador, a área total do terreno do Imperatriz é de 40 mil quadrados. Em troca da doação dos dois mil metros quadrados, a prefeitura estaria aumentando o potencial construtivo da área, o que estaria em desacordo com atual Plano Diretor do município. “Do jeito que tá, vai ter benefícios”, acredita. A ideia, segundo o vereador, é construir um complexo de prédios no que restar do terrenão, o que causaria grande impacto na cidade. “Mais apartamentos, mais carros nas ruas, isso causa um problema de infraestrutura”, afirma. O vereador não soube informar se a construção seria feita pelos donos do Imperatiz, as desconfia que sim. “O terreno é deles”, lascou.

Claudir ainda afirma que se a prefa corrigir o que tem de errado no projeto, o projeto pode ser tocado o quanto antes. Ele disse que a câmara pode tentar fazer uma sessão extraordinária em janeiro pra votação. “Só tem que ver se o proprietário vai querer doar [o terreno] dentro das condições do plano diretor” alfineta.

Pavoni garantiu que o supermercado não vai ter benefícios com a doação do terreno. “Ele [Claudir] foi secretário e sabe que ali não tem rolo nenhum. O município ganha, e eles também acabam não perdendo. E nós conseguimos achar um ótimo lugar”, torce. O secretário comenta que o lugar é estratégico, pois fica bem pertinho da BR-101 e tem saídas pra Quarta avenida e a do Estado. “Principalmente por causa dos acidentes”, avalia. A direção do Imperatriz não foi encontrada pra comentar o assunto.

Continua depois da publicidade




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.227.249.155

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quarta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 04/05/2021

Publicado 04/05/2021 23:40



Blogs

Blog do JC

Na curva do rio

A bordo do esporte

Ex-equipe de Martine Grael confirma presença em regata europeia da The Ocean Race

Blog do Ton

Maior importadora de móveis do Brasil abre a primeira loja própria em Santa Catarina

Blog Clique Diário

Dica de fotografia

Blog Doutor Multas

Multa por excesso de velocidade acima de 50: qual é o valor?

Blog da Ale Francoise

Ervas do bem para o estresse!

Blog da Jackie

Hering comprou a Arezzo

Bastidores

Um olhar sobre o teatro de escola



Entrevistão

Liba Fronza

"O Navegay traz uma multidão de pessoas, não gera receita financeira e causa uma demanda social muito grande”

Volnei Morastoni

"Estamos vivendo a politização da covid”

Marcelo werner

"Quando o Estado publica um decreto às 11 horas da noite para que no dia seguinte seja cumprido, está faltando sintonia com a sociedade”

Marquinhos Kurtz

“[...} O meu posicionamento é contrário ao fechamento total. Eu acho que nós temos que trabalhar, nós temos que ter cuidado, e as coisas precisam funcionar”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯