Colunas


JotaCê

Por Coluna do JC -

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Vendedor de sofrimentos


A Parada Rosa - promovida pela piramidal casa do povo, no finde, em alusão ao Outubro Rosa e à prevenção do câncer de mama – foi um sucesso. Na imagem, as vereadoras Cris Stuart e Aline Aranha e voluntárias da causa (foto: divulgação)

O Advogado Conselheiro abusou da necessidade social de famílias para criar uma oportunidade pessoal. Isso é pecado, dotô. Famílias, que foram enganadas por espertos e que venderam terrenos sem documentos, agora são usadas para pressionar a prefeitura para indenizar quem se diz dono do terreno. Ô Malandragem, dá um tempo! Assim não phode!

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





 

45 milhões

O valor assusta tanto quanto o impacto social e ambiental que envolve essa invasão. Como esses espertos negociam isso ao custo do sofrimento de tantas pessoas, do meio ambiente e ainda querem o dinheiro do contribuinte?? Assim não dá, dotô!

Só o começo

Linguarudos dizem ser apenas o começo. As negociações do dotô darão pano pra manga. Já tem gente que teve projeto barrado por falta de Conselhos. Oh, dor! As táticas “jurídicas” são conhecidas. Pedidos de vista, pedidos de visitas. Pareceres e assessorias. Um combo para regularizar tudo.

Advogados Conselheiros

Os maiores interessados na solução dos lotes da Fortaleza de ouro são os advogados. Não param as tentativas de lobby. A bolada deles pode chegar em 10 milhões de dinheiro pago pela prefeitura ao que se diz dono do terreno. Tem figura carimbada da city, dono de balada famosa, que tá sentado, esperando só o resultado. Oh, dor!

Dotô dos Conselhos

Se for verdade que o Conselheiro dos Conselhos da Cidade está interessado no acordo milionário com dinheiro público, esse assunto precisa ser levado adiante. Não pode ter, na cidade, alguém com interesses pessoais que conflitam nas decisões de algo importante para a cidade. Um escândalo essa relação. É muito dinheiro. E querem que, quem pague a conta, seja o contribuinte da maravilha.

Resposta

Quem mandou e-mail para esse socadinho foi o excelentíssimo Promotor do Meio Ambiente Dr. Isaac Sabá, pedindo um direito de resposta na coluna. Porém, como a carta é muito mais extensa que a coluna e que a nota que saiu, a sua resposta vai sair no jornal mais lido do sul do mundo. Bom saber, o digníssimo promotor é leitor dessa coluna. Obrigado pela audiência.

Contra Itajaí

A matéria de destaque trazida ontem pelo nosso DIARINHO, sobre a questão do sombreamento na praia Brava, mostra que é um verdadeiro absurdo o projeto raso, que tá na piramidal, que pretende proibir a construção de qualquer coisa que faça sombra durante o dia na restinga ou na faixa de areia. Aprovar algo neste sentido é proibir, por exemplo, construir uma casa na beira-mar, o que vai contra o próprio desenvolvimento da região e da cidade.

Crescimento ordenado

Antes que os ambientalistas queiram me bater, já deixo claro que sou, totalmente, favorável à preservação do meio ambiente. Mas é preciso pensar num crescimento ordenado e sustentável na praia Brava, aliando a proteção à natureza com todo o potencial turístico e de desenvolvimento que essa praia tem.

Tesouro

A praia Brava é um verdadeiro tesouro pra Itajaí, com um dos metros quadrados mais valorizados do país. Se bem conduzido seu crescimento, em harmonia com o meio ambiente e sem radicalismo de ambos os lados, vai gerar, cada vez mais, recursos ao município, que podem e devem ser investidos pra toda população na saúde, educação, segurança, entre outras áreas.

Melhorou muito

O discurso de “preservação” no projeto cai por terra quando se vê, por exemplo, que o chiquetoso Brava Beach faz sombra na praia por volta das 16h30 e, nem por isso, a restinga deixou de crescer naquele local da praia.

Morro

Aliás, o próprio morro ao fundo, também, faz sombra no mesmo horário. Sol das 6h às 16h30, com a Brava atraindo turismo de qualidade e desenvolvimento harmônico com a natureza, é muito melhor do que não se construir nada por lá e virar um antro pra drogados e, até, local de desova de cadáver, com a restinga detonada, como era a Brava num passado não muito distante.

Radicalismo burro

Mais uma vez, o que se vê é um radicalismo burro que não leva a lugar nenhum. Por favor, esqueçam a polêmica e o sensacionalismo pra ganhar visibilidade, em detrimento de todo futuro de uma cidade.

Ordenada

A Brava precisa seguir crescendo de forma ordenada e em harmonia com o meio ambiente, isso é fato. Mas um projeto como esse acabaria com isso e tiraria da city peixeira o protagonismo pra receber turismo qualificado e de grande poder aquisitivo. Se Itajaí não der bola pra isso, certamente, outra cidade da região fará, e perderemos muito. Pensem bem, por favor!

Apoio

A campanha da pré-candidata Vívian De Gann, do Movimento OAB com a sua cara, ganhou importante reforço nesse fim de semana: a manifestação de apoio do professor César Pasold, ícone da advocacia catarinense. “Sem demérito algum aos concorrentes, mas a Dra. Vívian reúne todas as qualidades para presidir a Ordem”, afirma Pasold.

Mocellin de volta

O deputado estadual coronel Onir Mocellin (PSL), que se licenciou por dois meses, dando oportunidade para dois suplentes, está retomando às atividades legislativas. Mesmo de licença, o deputado não parou de percorrer o Estado e ouvir demandas, principalmente na região de Itajaí.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

TV DIARINHO

Entrevistão Rodrigo Fernandes Juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina




Especiais

Meio Ambiente

Juarez Müller, o homem das árvores e flores, recebe homenagem na Câmara de Vereadores

Escotismo

Grupo Lauro Müller volta renovado após quase dois anos de incertezas

REGIÃO

Confira a lista das escolas particulares

SESC/SENAI

Escola S alia grade curricular básica ao ensino tecnológico e bilíngue

Colégio Energia

Líder em aprovação, Energia acumula 25 anos de credibilidade, qualidade e inovação



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯