Colunas


JotaCê

Por Coluna do JC -

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Univali em festa


Univali comemorou 57 anos nesta semana (foto: divulgação)

E a semana, que se encerra, foi pra lá de festiva em nossa universidade maior da city peixeira. Com muitas comemorações e inaugurações, esta semana marcou os 57 anos da fundação do ensino superior em Itajaí.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





 

Referência educacional

E não é para menos, em uma história que deve ser respeitada, com muitos protagonistas que, ao longo dessas quase seis décadas, colocaram nossa Univali como referência educacional, não apenas em Itajaí e na Santa & Bela, mas no exterior.

Teatro Adelaide Konder

Os fofoqueiros sopraram, nozovidos desse pançudo escriba, que a reinauguração do teatro Adelaide Konder foi coisa de emocionar. Palco de tantas solenidades e realizações acadêmicas, científicas e culturais, no templo do ensino superior peixeiro, o teatro foi chiquetosamente reformado e modernizado, deixando todos os presentes de boca aberta.

No caminho certo

Como esse socadinho escriba tem dedilhado nesta humilde coluna, nossa Univali evoluiu muito desde 2018, quando assumiu a nova gestão, capitaneada pelo atual reitor Sabiá, ops, Valdir Cechinel Filho.

Derrubada de muros

Com tantas conquistas e reconhecimentos, fruto de diálogo, derrubada dos muros (amém), transparência e seriedade, a Univali mostra que está no caminho certo, e pronta para novos desafios e voos ainda maiores. Parabéns aos gestores, funcionários, professores e alunos que engrandecem nossa universidade, nossa cidade e nossa gente.

Alta

O Senador Renan Calheiros (MDB), no cumprimento do seu quarto mandato no Senado Federal, ainda não aprendeu que a boca calada não se arrepende do que fala, e acabou dando munição para o seu colega Jorginho Mello (PL).

Fígado

O senador Renan Calheiros, ao promover um bate-boca desnecessário com o senador catarinense, agiu mais com o fígado do que com a cabeça e deixou Jorginho em situação privilegiada no confronto.

Apoio

Jorginho Mello, que busca uma candidatura para o governo da Santa & Bela, disse que não conseguiu responder todas as mensagens de apoio que recebeu dos catarinenses, após ter chamando Renan Calheiros de “safado, pilantra e vagabundo”.

Puxada

Jorginho não só ganhou a confiança do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e do véio da Havan, digo, Luciano Hang ao defender, no Senado Federal, o presidente e o empresário catarinense dos ataques do relator Calheiros.

Tiro no pé

O fato deu visibilidade política para Jorginho e Luciano que está convocado para depor na CPI, por conta do atestado falso de óbito da sua mãe e, novamente, a CPI pode estar dando um baita tiro no pé.

Provar

Isso porque vai ser difícil, se não impossível, provar que o empresário tem alguma ligação com a falsidade do atestado que, assinado por um médico, pode até ter o seu registro cassado no conselho regional de medicina, caso o profissional ateste em falso, informações sobre a morte das pessoas.

Situação delicada

Enquanto Hang não consegue um salvo conduto, digo, um habeas corpus para não prestar depoimento, Jorginho Melo já se colocou contrário à convocação de Luciano na CPI. Acho que, quem não deve, não teme e penso que Luciano, com suas colocações pontuais e contundentes, vai deixar a Comissão em situação delicada, pois se trata da morte da mãe.

Vítima

Quem parece ser vítima de uma armação é o Luciano e será bom a CPI explicar direitinho mais essa situação. Aliás, o véio da Havan não deve estar nem aí, porque sabe e vive de polêmicas, mesmo absurdas e lamentáveis, com o intuito de fazer com que fique ainda mais conhecido e, com isso suas lojas, também. Mas, no caso da sua mãe, não posso crer que tenha algo.

Elcio lá

O prefeito da capital da pedrada e ex-do tiro ao vereador, Elcio Bisturi Kuhnen (MDB), viajou, na terça-feira para Brasília. Dessa vez, o alcaide levou a tiracolo o secretário de Desenvolvimento e Assistencia Social. Faz poucos dias que Elcio esteve na capital federal com uma montoeira de abobrões e vereadores.

Federal...

Das duas uma, ou o prefeito Elcio não aguenta mais permanecer em Camboriú ou quer ser candidato a deputado federal e já está em treinamento pra função. Afinal, será que precisa estar no serrado brasileiro direto? Qual o resultado prático dessas viagens? Bocudo, eu?!

Movimento OAB com sua cara

Advogados e advogadas de todas as regiões do nosso amado estado barriga verde se reuniram, nesta quinta-feira à noite, em Florianópolis, para lançar o movimento “OAB com a sua cara” e defender uma Ordem mais plural.

Participação

Os advogados defendem uma Ordem sem personalismos, com maior participação das mulheres, dos jovens e que valorize os pequenos escritórios. Agora, o movimento começa a percorrer o interior, divulgando suas bandeiras e mobilizando sua base para as eleições de novembro.

Café colonial

Em tempos de crise, o povo paga caro pela visitinha do deputado Jerry Comper (MDB). O deputado foi recebido com um baita café colonial, completo, que foi oferecido pelo presidente da câmara de vereadores da ex-capital do Jet Sky, Piçarras, o radialista Jorge Luiz. Oiá, pelas imagens, um baita de um cafezão.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

TV DIARINHO

Confira os destaques desta terça-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 19/10/2021

Publicado 19/10/2021 21:01


Especiais

AMPLIAÇÃO

Portonave projeta investimentos de mais R$ 500 milhões

NAVEGANTES

Atividade portuária consolida a economia

SANTA CATARINA

Navegantes tem o segundo maior aeroporto do estado

NAVEGANTES

Cluster da construção naval é aqui

MERCADO

Navship volta a contratar



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯