Colunas


Coluna do Janio

Por Coluna do Janio -

Atuação desastrosa


O Marcílio Dias fez em Altos, no Piauí, uma das suas piores atuações nos últimos anos e foi atropelado pelo time casa no jogo que valia o acesso para a série C do campeonato Brasileiro. A derrota por 5 a 1 e a eliminação nas quartas de final da série D foram merecidas pelo que foi a partida e também pelo esforço que o time da casa fez para chegar ao resultado. Do lado do Marinheiro, ficam as lições de que jogo decisivo se joga com concentração do primeiro ao último minuto A eliminação começou já no jogo de Itajaí, quando o Marcílio não fez um placar elástico, desperdiçando muitas chances e sofrendo o gol de empate aos 43 minutos do segundo tempo, em uma desatenção total da defesa rubro-anil. Em Altos, tomou um gol logo a dois minutos que desmontou o time do Marcílio, que não conseguiu se encontrar em campo, nem com as alterações do técnico Waguinho Dias.

Campanha histórica

Eliminação à parte, nada vai apagar a campanha histórica que o Marcílio Dias fez nesse campeonato Brasileiro. Para um clube que há quatro anos estava na segunda divisão e a beira de fechar as portas, o Marinheiro está passando por um constante processo de reconstrução e essa série D foi mais uma mostra de que o trabalho está no caminho certo e que o Marcílio tem muito a colher pela frente. Depois de sete anos sem disputar um Brasileiro, o Marcílio chegou entre os oito melhores clubes de uma competição disputada por 64 times do Brasil inteiro. É motivo, sim, para o torcedor e a cidade se orgulharem. Não é um jogo que vai apagar as classificações, como a heroica vitória contra a Ferroviária-SP, e alegrias que esse time nos deu ao longo dessa jornada. Vem agora a Copa Santa Catarina, a partir de quinta-feira, e o Marcílio está pronto para brigar pelo título e conquistar a sonhada vaga para a Copa do Brasil.

Futebol de várzea

A eliminação do Marcílio Dias aconteceu dentro de campo e por merecimento do adversário, porém, não posso deixar de registrar o que vi em Altos. A equipe Show de Bola, das rádios Univali FM e Web Catarina, foi a única equipe de imprensa de Itajaí e região presente no local, como fez em todos os jogos do Marinheiro nesse Brasileiro. O futebol amador da nossa região dá um show na estrutura que encontramos no estádio Felipão. Um campo totalmente de várzea, irregular e cheio de buracos, cabines de imprensa pequenas (toda a imprensa local teve que cobrir o jogo da arquibancada descoberta), vestiário sem condições pra arbitragem e pro visitante (que ficaram no campo, no sol de 32 graus, durante o intervalo), torcida em cima dos muros (ou seja, dentro do estádio), entre outras coisas. Uma vergonha a CBF autorizar um jogo de campeonato Brasileiro nessas condições, ainda mais em uma fase tão decisiva. A Federação Catarinense de Futebol tem obrigação de defender os clubes do seu estado junto a entidade, mas pelo visto, ficou de braços cruzados, enquanto a Federação Piauiense articulou para não levar a partida para um estádio melhor.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

TV DIARINHO

Confira os destaques dessa segunda-feira



Podcast

Papo do DIA

Publicado 18/01/2021 21:48


Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯